Meteorologia

  • 20 AGOSTO 2019
Tempo
23º
MIN 21º MÁX 26º

Edição

Uma história que encanta a Alemanha: Pinguins gays adotaram um ovo

Se o ovo eclodir, será a primeira cria de pinguim em quase duas décadas no zoo de Berlim.

Dois pinguins gays adotaram um ovo no jardim zoológico de Berlim e a história está a gerar entusiasmo na Alemanha. De acordo com o The New York Times, desde que chegaram ao zoo da capital alemã em abril, Skip e Ping, o casal de pinguins, tentaram começar uma família adotando objetos como uma pedra e até peixes. 

Percebendo essa pretensão dos pinguins gays, o zoo de Berlim decidiu criar uma oportunidade para a paternidade, quando uma pinguim fêmea chamada The Orange pôs um ovo em julho

"Só tivemos de pôr o ovo à frente de um deles, e ele soube o que fazer. Com o bico empurrou o ovo e pôs o seu estômago sobre ele, que é algo que os pinguins fazem normalmente", revelou Maximilian Jäger, porta-voz do zoo de Berlim.

A possibilidade de dois pinguins gays adotarem um ovo e poderem criar um filhote é uma das histórias do momento na Alemanha. Está a encantar quem visita o zoo e a centrar as atenções dos meios de informação. 

No entanto, Anja Seifert, a tratadora dos pinguins no jardim zoológico de Berlim, salientou que não é claro que o ovo tenha sido fertilizado, o que significa que pode nunca vir a eclodir.

Só no início do próximo mês as dúvidas serão dissipadas e se ficará a saber se o zoo de Berlim vai ter a sua primeira cria desde 2002. E se a história de encantar de Skip e Ping vai continuar. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório