Meteorologia

  • 12 DEZEMBRO 2019
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Presidente do Cazaquistão anuncia demissão após 30 anos no poder

O Presidente cazaque, Nursultan Nazarbaiev, anunciou hoje a sua demissão, após cerca de 30 anos na liderança deste país da Ásia central rico em hidrocarbonetos, mas confrontado com uma crescente contestação social.

Presidente do Cazaquistão anuncia demissão após 30 anos no poder
Notícias ao Minuto

14:37 - 19/03/19 por Lusa

Mundo Cargo

"Tomei a decisão de renunciar ao mandato de Presidente", declarou Nazarbaiev, 78 anos, durante uma alocução transmitida pela televisão.

Nazarbaiev vai, no entanto, dispor de poderes alargados após a sua renúncia à presidência, devido a uma lei votada em 2018 e ao seu estatuto de "Pai da Nação", que lhe garante imunidade judicial e uma função influente.

Nursultan Nazarbaiev assumiu o poder no Cazaquistão em 1989, quando o país ainda mantinha o estatuto de república soviética e na qualidade de primeiro secretário do Partido Comunista, e conservou o poder após a independência, em 1991, na sequência da desagregação da União Soviética.

Reeleito diversas vezes com maiorias esmagadoras, nunca designou de forma clara um sucessor.

Este anúncio surge um mês após a brusca demissão do governo cazaque pelo presidente, descontente com os maus resultados económicos.

Na altura, Nazarbaiev prometeu medidas sociais para responder ao crescente descontentamento da população, a menos de um ano das próximas eleições presidenciais.

Após a morte, em setembro de 2016, do autoritário Islam Karimov no vizinho Uzbequistão, Nazarbaiev mantinha-se como o único dirigente na ex-URSS à frente do seu país desde 1991.

O Cazaquistão, com quase três milhões de quilómetros quadrados, mas menos de 20 milhões de habitantes (incluindo 67% de cazaques e 21% de russos), permanece a maior economia da Ásia central.

No entanto, a sua economia também foi muito afetada pela queda dos preços do petróleo e os reflexos das sanções ocidentais aplicadas ao seu vizinho russo, que motivaram designadamente a queda da sua moeda.

No verão de 2016 o país foi confrontado com uma vaga de violência atribuída a islamitas radicais.

O Cazaquistão integra a Comunidade de Estados Independentes (CEI), a organização intergovernamental regional de dez repúblicas pós-soviéticas da Eurásia.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório