Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2019
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Sem-abrigo e casal inventaram história e angariaram mais de 300 mil euros

Os três suspeitos foram detidos esta semana, depois de terem contado uma história que se tornou viral, mas que era mentira.

Sem-abrigo e casal inventaram história e angariaram mais de 300 mil euros

Uma história sobre um sem-abrigo que usou os seus últimos 20 dólares (cerca de 17 euros) para ajudar uma mulher numa bomba de gasolina em New Jersey, nos Estados Unidos, era afinal... mentira. Foi feita de forma a que estranhos doassem mais de 400 mil dólares (cerca de 350 mil euros) para ajudar um 'bom samaritano'.

O procurador encarregue do caso, Scott Coffina, deu conta, citado pelo Guardian, das acusações criminais que foram feitas contra o casal e contra o sem-abrigo que conspirou com eles.

Segundo Scott, o dinheiro que foi doado ao sem-abrigo, Johnny Bobitt, vai ser devolvido às pessoas que viram a história e que contribuiram através da página de Go Fund Me criada para o efeito. "Toda a campanha foi uma verdadeira mentira. Foi ficcional e ilegal e há consequências", acrescentou.

Johnny Bobitt foi detido esta quarta-feira em Filadélfia e ficou sob custódia policial com 50 mil dólares (quase 45 mil euros) de fiança. Mark D’Amico e Katelyn McClure entregaram-se às autoridades e foram libertados. Estão acusados de burla.

Segundo os investigadores, o casal alegava que Johnny tinha ajudado Katelyn quando esta ficou retida numa bomba de gasolina numa estrada de Filadélfia, no ano passado. Tendo a mulher justificado a angariação de fundos com a necessidade de ajudar o homem pela ajuda. O procurador refere mesmo que praticamente nada da história é verdade. Nem a parte de Katelyn ter ficado sem gasolina, nem o facto de Johnny a ter visto e lhe ter emprestado dinheiro.

Pouco mais de uma hora depois de o casal ter criado a página de Go Fund Me, a mulher enviou uma mensagem a um amigo onde reconhecia que era "tudo inventado". Mas tudo foi descoberto depois de o sem-abrigo alegar às autoridades que não tinha recebido nenhuma parte do dinheiro angariado para si. Chegando mesmo a processar o casal.

Não se sabe exatamente o que foi feito do dinheiro, mas segundo o advogado de Johnny neste momento já não resta nada.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório