Meteorologia

  • 12 DEZEMBRO 2019
Tempo
15º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Depois de alvejar mortalmente o pai, pediu-lhe um abraço

Pai e filho discutiam com regularidade e ambos possuíam armas.

Depois de alvejar mortalmente o pai, pediu-lhe um abraço

Jesse David Vasquez III terá matado o próprio pai e, segundo o Tribunal do Texas, fez um pedido muito estranho depois de cometer o crime.

A revelação foi feita por uma vizinha do jovem de 24 anos, que alega que após alvejar mortalmente o pai, no dia 17 de abril de 2016, Jesse pediu-lhe um abraço.

Maria contou que nesse dia ouviu disparos vindos da casa em frente à sua. Saiu a correr para ver o que se passava e foi aí que encontrou Anna, a viúva, a tentar reanimar o marido.

Jesse estaria no exterior da casa, com "aspeto de quem estava drogado, um pouco nervoso e assustado", conta a testemunha, citada pela Fox News. Quando lhe perguntou porque fizera aquilo, o jovem "encolheu os ombros" e terá dito "que não estava arrependido".

Testemunhas contam que pai e filho discutiam com frequência, consumiam droga juntos e era frequente terem armas em sua posse. Jesse já teria revelado anteriormente vontade de matar o pai.

O julgamento do jovem prossegue, sendo que corre o risco de ser condenado a uma pena de prisão perpétua.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório