Meteorologia

  • 12 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 16º

Edição

Bruxelas recusa rever pontos já negociados, como "fatura do divórcio"

A Comissão Europeia negou hoje a possibilidade de rever o ajuste financeiro já fechado com o Reino Unido nas negociações do 'Brexit' e que fixa o montante da "fatura do divórcio" caso haja acordo para a saída.

Bruxelas recusa rever pontos já negociados, como "fatura do divórcio"
Notícias ao Minuto

14:36 - 13/09/18 por Lusa

Mundo Brexit

"Não iremos rever as áreas em que já chegámos a consenso nas negociações de saída, incluindo o acordo financeiro", esclareceu o porta-voz do executivo comunitário, Margaritis Schinas, na habitual conferência de imprensa diária.

Schinas reagia ao anúncio feito, na quarta-feira, pelo britânico para o 'Brexit', Dominic Raab, de que o Reino Unido só vai pagar a "fatura do divórcio" se houver acordo com a União Europeia (UE).

Sem acordo, Londres pagará "substancialmente, substancialmente menos" do que os acordados 39 mil milhões de libras (43.680 milhões de euros), disse Raab à rádio BBC.

O acordo preliminar sobre a chamada "fatura do divórcio" foi fechado em dezembro entre o Reino Unido e os outros 27 Estados-membros.

As negociações para um acordo de saída do Reino Unido da UE deviam ser concluídas a tempo da cimeira europeia de 18 de outubro em Bruxelas, mas subsistem persistentes dificuldades.

A principal questão por resolver é a da fronteira entre a província britânica da Irlanda do Norte e a República da Irlanda, membro da UE.

O 'Brexit' está marcado para 29 de março de 2019.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório