Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2018
Tempo
24º
MIN 23º MÁX 25º

Edição

Obra de Renoir roubada pelos nazis a colecionador judeu foi devolvida

A pintura foi finalmente devolvida à herdeira do colecionador, a sua neta.

Obra de Renoir roubada pelos nazis a colecionador judeu foi devolvida
Notícias ao Minuto

23:03 - 12/09/18 por Fábio Nunes 

Mundo EUA

Uma obra de Pierre Auguste Renoir que foi roubada pelos nazis a um colecionador judeu durante a Segunda Guerra Mundial foi finalmente devolvida ao seu legítimo proprietário. De acordo com a CNN, o quadro foi entregue à última herdeira de Alfred Weinberger, a sua neta, Sylvie Sulitzer. O anúncio foi feito pelas autoridades federais de Nova Iorque esta quarta-feira.

‘Deux Femmes Dans Un Jardin’ foi pintado em 1919 por Renoir. Fazia parte do espólio de Weinberger, um proeminente colecionador de arte judeu. Mas em 1941 a obra foi roubada do cofre de um banco em Paris.

“Quando o general Hermann Goering roubou obras de coleções privadas de diferentes museus na Europa, ele precisou de um especialista para verificá-los”, lembrou Sylvie. Mas o seu avô recusou a oferta e em vez disso juntou-se à Marquis, um grupo da Resistência francesa, para escapar aos nazis.

Depois da guerra, Weinberger declarou os objetos que lhe roubaram durante o conflito. A pintura reapareceu num leilão de arte em Joanesburgo, na África do Sul, em 1975. Dois anos depois foi parar a Londres e voltou a ser leiloada em 1999 em Zurique, na Suíça.

Em 2013 chegou à galeria da Christie’s em Nova Iorque para ser leiloada e o seu valor foi estimado até 200 mil dólares (mais de 172 mil euros). Finalmente, chegou às mãos de Sylvie Sulitzer e até ao próximo dia 16 vai estar em exibição no Museu da Herança Judaica em Nova Iorque.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório