Meteorologia

  • 18 AGOSTO 2018
Tempo
22º
MIN 21º MÁX 23º

Edição

Mulher que descobriu filha raptada há 20 anos lamenta tê-la encontrado

Mãe e filha nunca conseguiram criar uma relação próxima.

Mulher que descobriu filha raptada há 20 anos lamenta tê-la encontrado

Kamiyah Mobley, de 19 anos, foi raptada quando ainda era um bebé e criada pela mulher que a raptou, Gloria Williams.

No ano passado, foi descoberta pela sua mãe biológica, que passara a última década a tentar chegar ao paradeiro da criança.

Gloria Williams foi condenada a 18 anos de prisão pelo crime cometido em 1998 no Hospital de Jacksonville. Tudo foi descoberto quando a jovem tentou pedir um certificado de nascimento para poder tirar a carta de condução.

A mãe biológica de Kamiyah esperava poder recuperar o tempo perdido ao lado da filha, mas afinal nada disso aconteceu. As duas terão até passado muito tempo juntas após o reencontro, mas agora voltaram a  afastar-se.

No dia da mãe, a jovem não deu sequer sinais de vida à mãe e já faz tempo que não conversam ou estão juntas. A mulher diz-se ainda mais magoada por a filha lhe ter dito que esperava que a sua mãe adotiva não tivesse uma pena muito pesada.

"Não admito faltas de respeito. Quem me dera que nunca a tivessem encontrado", diz Shanara Mobley.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.