Meteorologia

  • 21 NOVEMBRO 2018
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 13º

Edição

Detetar o cancro com uma tatuagem

Não é a primeira vez que se testa o uso de tatuagens enquanto método para diagnosticar, a previsão é a de um diagnóstico numa fase bastante precoce.

Detetar o cancro com uma tatuagem
Notícias ao Minuto

15:15 - 22/06/18 por Mariana Botelho 

Lifestyle Oncologia

Uma das constantes áreas da oncologia que merecem mais atenção é a forma de detetar a doença já que o tempo certo faz toda a diferença no eficaz tratamento do mesmo.

Neste sentido, uma nova proposta surge agora por parte de um grupo de investigadores suíços sob a forma de tatuagem. A ideia é a de criar “um sistema que permite alertar de forma atempada sempre que é produzida uma alta taxa de cálcio no sangue, ou seja, a hipercalcemia, um sintoma associado a diversos tipos de cancro, além de outras doenças como por exemplo a insuficiência renal”, lê-se no El País.

A tatuagem em questão implanta na pele um sensor de cálcio que responde com um estímulo visual sempre que deteta níveis acima do normal.

Os testes já foram feitos em ratos de laboratório, cujos resultados correram de acordo com o esperado. Caso funcione também em humanos, a tatuagem poderá ser uma forma eficaz de se detetar a tempo uma alteração genética que é bastante comum em doentes com vários tipos de cancro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório