Meteorologia

  • 17 DEZEMBRO 2017
Tempo
MIN 5º MÁX 8º

Edição

Dormir em beliches e dividir casa: A vida dos bancários de Hong Kong

As consequências de viver numa das cidades mais caras do mundo não escapam a quase ninguém. Quem seria rico noutros locais tem uma vida doméstica que faz lembrar os tempos de universidade.

Dormir em beliches e dividir casa: A vida dos bancários de Hong Kong
Notícias ao Minuto

07:00 - 20/09/17 por Bruno Mourão

Economia Insólito

Hong Kong não é uma cidade tão cara como Singapura, mas no que toca ao preço das rendas, nenhuma outra cidade consegue rivalizar com o pequeno território autónomo. A elevadíssima concentração populacional e a falta de oferta de habitação juntam-se ao custo de vida elevado para criar um cocktail tóxico, responsável por rendas absolutamente inacreditáveis. 

A dificuldade de arranjar casa é particularmente granda para os jovens, que estão a ver-se obrigados a procurar alternativas incomuns. Como explica a Bloomberg, um antigo complexo de apartamentos de luxo que foi reconvertido em habitação partilhada está a gerar muito interesse, apesar das características. 

Bancários, gestores de marketing, trabalhadores dos mercados financeiros e jovens em início de vida profissional estão entre os 400 candidatos a viver no complexo Mini Ocean Park Station, criado graças à divisão de 18 antigas habitações luxuosas em 270 espaços individuais com cerca de 8 a 10 metros quadrados. Cada área tem pouco mais do que um beliche e uma mesa de cabeceira e custa aos interessados 910 euros por mês, com direito a acesso às casas de banho, máquinas de venda de snacks, sala de estar e lavandarias, instaladas em áreas comuns no piso térreo. 

Na zona de Kowloon, um prédio com cerca de 50 anos foi também renovado e tem dormitórios partilhados por 10 pessoas, com cerca de 37 metros quadrados. Neste edifício existem também casas de banho, cozinhas e salas de estar partilhadas, e os preços ficam entre os 375 e os 590 euros por uma cama. 

Quando pensar que as rendas em Lisboa ou no Porto estão caras, olhe para o caso de Hong Kong e ficará certamente mais animado. 

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório