Meteorologia

  • 29 MAIO 2023
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 23º

Número de trabalhadores independentes recua 17% para 356 mil em dezembro

O número de trabalhadores independentes com contribuições à Segurança Social totalizou 355.614 em dezembro de 2022, uma redução mensal de 9,9% e uma queda de 17,3% face ao período homólogo, segundo estatísticas publicadas hoje.

Número de trabalhadores independentes recua 17% para 356 mil em dezembro
Notícias ao Minuto

19:10 - 20/02/23 por Lusa

Economia Emprego

De acordo com a síntese estatística mensal elaborada pelo Gabinete de Estratégia e Planeamento (GEP) do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, registaram-se, assim, em dezembro menos 39.203 trabalhadores independentes em comparação com novembro e menos 74.327 do que no mesmo mês de 2021.

As estatísticas mensais da Segurança Social mostram ainda que o valor das contribuições dos trabalhadores independentes em dezembro foi de 41,63 milhões de euros, um valor médio de 117,05 euros por trabalhador.

Já o número de pessoas singulares com contribuições pagas à Segurança Social por trabalho dependente foi de 3.993.310 em dezembro.

"A partir dos dados atualizados do mês anterior, observa-se um decréscimo mensal de 1,0% (menos 38.922 contribuições de trabalhadores/as dependentes) e, em termos homólogos, registou-se um acréscimo de 182.482 contribuições (+4,8%)", pode ler-se na síntese do GEP.

O valor médio das remunerações por trabalho dependente foi de 1.502,43 euros em dezembro, uma diminuição mensal de 15,7%, explicada pelo pagamento do subsídio de Natal no mês anterior, indica o GEP.

Face ao período homólogo, verificou-se um aumento de 4% no valor médio das remunerações declaradas.

Leia Também: Desempregados com subsídio de desemprego recuam 18,4% em janeiro

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório