Meteorologia

  • 19 MAIO 2022
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 29º

Gastar 120 milhões em faixas de gestão de combustível "é desperdício"

A associação ambientalista ZERO veio hoje exigir que seja repensada a alocação de 120 milhões do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) para redes primárias de faixas de gestão de combustível, cuja eficácia é questionada.

Gastar 120 milhões em faixas de gestão de combustível "é desperdício"
Notícias ao Minuto

11:20 - 22/01/22 por Lusa

Economia Zero

A ZERO consultou a Agência para a Gestão Integrada de Fogos Rurais (AGIF) e com base nos esclarecimentos que obteve vem acentuar um alerta que já tinha feito de que "120 milhões de euros do PRR podem ser desperdiçados em investimento de pouca utilidade", refere, num comunicado enviado à Lusa.

Aquando da consulta pública do PRR, a ZERO alertou para as dúvidas que existiam sobre a prioridade de alocação de 120 milhões de euros para a execução de 37.500 hectares de rede primária de faixas de gestão de combustível a nível nacional, a aplicar até 2025.

Agora, questionou a Agência para a Gestão Integrada de Fogos Rurais (AGIF), responsável pelo planeamento, coordenação estratégica e avaliação do Sistema de Gestão Integrada de Fogos Rurais, sobre a eficácia dessa rede no combate a grandes fogos rurais.

A AGIF não conhece estudos "aplicados ao contexto português que demonstrem, de forma científica e informada com casos concretos, a eficácia ou eficiência destas faixas lineares com largura entre os 50 e os 200 metros", refere.

A agência revela, aliás, sublinha a ZERO, que "parece haver uma perceção da reduzida eficácia deste tipo de investimentos".

Neste contexto, a associação exige que seja repensada a alocação dos referidos 120 milhões de euros do PRR e que as verbas sejam dirigidas "para reforçar o investimento na criação de paisagens florestais multifuncionais, biodiversas e resilientes".

Baseada na resposta da AGIF, a ZERO afirma que parece estar-se "perante um investimento delineado pelo Ministério do Ambiente e Ação Climática" baseado "não em conhecimento científico ou em opiniões dos serviços", que irá resultar no desperdício de dinheiros públicos.

A associação ambientalista recorda ainda que existe legislação sobre a criação de redes de faixas de gestão de combustível, que visam reduzir a superfície afetada, facilitar o combate ao fogo e proteger povoações, vias de comunicação e outras infraestruturas.

A ZERO quer a reavaliação "urgente das orientações da legislação existente há cerca de 16 anos, uma vez que não é aceitável que se tolere o desperdício de recursos financeiros públicos em investimentos de eficácia reduzida que depois obrigam a enormes gastos de manutenção das faixas".

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório