Meteorologia

  • 06 MAIO 2021
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 23º

Edição

Seg. Social notificou pela 1ª vez empresas que não deram licença parental

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, revelou hoje que a Segurança Social notificou pela primeira vez as empresas que em 2020 não deram aos seus funcionários a licença parental obrigatória.

Seg. Social notificou pela 1ª vez empresas que não deram licença parental

No Dia Internacional da Mulher, a ministra sublinhou em declarações à agência Lusa que esse procedimento é uma forma de "promover a igualdade".

"A Segurança Social, pela primeira vez, fez uma notificação das empresas que não deram aos seus trabalhadores, no ano do nascimento dos seus filhos, em 2020, a possibilidade de usufruírem da licença parental obrigatória. Esta notificação visa alertar para a necessidade de respeito deste direito do pai e promover a igualdade e a partilha de responsabilidades entre homem e mulher", explicou Ana Mendes Godinho.

Leia Também: Apoio à família e apoio extraordinário de fevereiro já podem ser pedidos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório