Meteorologia

  • 22 OUTUBRO 2019
Tempo
20º
MIN 10º MÁX 20º

Edição

Emprego sobe na zona euro no 4.º trimestre. Portugal tem 2.ª menor taxa

A taxa de vagas de emprego fixou-se, no quarto trimestre de 2018, nos 2,3% na zona euro e na União Europeia (UE), com Portugal a registar a segunda menor (0,9%), segundo o Eurostat.

Emprego sobe na zona euro no 4.º trimestre. Portugal tem 2.ª menor taxa
Notícias ao Minuto

10:09 - 18/03/19 por Lusa

Economia Eurostat

Nos últimos três meses de 2018, a taxa de vagas de emprego na zona euro subiu para os 2,3%, quer face ao terceiro trimestre de 2018 (2,1%), quer face ao mesmo período de 2017 (2,0%).

Na UE, as ofertas de emprego subiram para os 2,2%, quer na comparação homóloga (2,0%), quer em cadeia (2,2%).

De acordo com o gabinete estatístico europeu, Portugal apresentou, a par de Espanha, Irlanda e Bulgária, a segunda menor taxa de ofertas de emprego (0,9%), depois da Grécia (0,4%), no quarto trimestre de 2018.

A República Checa (6,0%), a Bélgica, a Alemanha (3,4% cada) e a Áustria (3,1%) registaram as maiores taxas.

Face ao período homólogo, a taxa de vagas de emprego aumentou em vinte Estados-membros, incluindo Portugal, manteve-se estável em cinco e recuou em quatro.

As maiores subidas observaram-se na República Checa (1,6 pontos percentuais), na Áustria (0,8 pontos) e em Malta (0,7 pontos).

A Lituânia sofreu o maior recuo (-0,2 pontos), seguida da Croácia, Estónia e Irlanda (-0,1 pontos cada).

Em Portugal, a taxa de vagas de emprego aumentou no quarto trimestre de 2018 na comparação homóloga (0,8%), mas recuou face aos 1,0% do terceiro trimestre do ano passado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório