Meteorologia

  • 10 DEZEMBRO 2018
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 18º

Edição

Petrobras funde-se com empresa dos EUA para operações no Golfo do México

A petrolífera estatal brasileira Petrobras anunciou que a subsidiária Petrobras América Inc-PAI e empresa norte-americana Murphy vão fundir as operações no Golfo do México, com a petrolífera brasileira a encaixar 955 milhões de euros.

Petrobras funde-se com empresa dos EUA para operações no Golfo do México
Notícias ao Minuto

06:27 - 11/10/18 por Lusa

Economia Empresas

De acordo com um comunicado divulgado, na quarta-feira, pela Petrobras, a parceria engloba todos os ativos de produção de ambas as empresas localizados no Golfo do México, a principal região produtora de petróleo nos Estados Unidos.

A Murphy Oil Corporation vai ter uma participação de 80% nas operações e a Petrobras América Inc-PAI terá 20%.

A nova empresa prevê uma produção média estimada de cerca de 75 mil barris de petróleo, nas zonas de águas profundas de Cascade, Chinook, St. Malo, Lucius e Hadrian North, Cottonwood e Adriano Sul, Dalmatian, Front Runner, Clipper, Habanero, Kodiak, Medusa e Thunder Hawk.

A transação de 955 milhões de euros é parte do objetivo da petrolífera estatal brasileira de vender ativos no valor de 18,2 mil milhões de euros.

Do valor total do negócio, a Petrobras vai receber inicialmente 782 milhões de euros, correspondentes à diferença de valor entre os ativos investidos pelas duas empresas. O restante será pago em 2025.

A empresa Murphy já tinha uma participação de 20% em quatro blocos em águas profundas na bacia brasileira de Sergipe-Alagoas.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório