Meteorologia

  • 07 JUNHO 2020
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 25º

Edição

"O Estádio do Dragão foi ontem palco de uma das maiores farsas"

O FC Porto considera que a equipa deveria estar isolado na liderança do campeonato.

"O Estádio do Dragão foi ontem palco de uma das maiores farsas"

Depois das críticas de Francisco J Marques, no Twiiter, e Sérgio Conceição, na conferência de imprensa, o FC Porto voltou a atacar a equipa de arbitragem do Clássico.

Através da newsletter Dragões Diário, os azuis e brancos sublinharam que o resultado de ontem não coincidiu com a história do jogo, chegando mesmo a afirmarem que foi "uma das maiores farsas" no futebol nacional.

"O Estádio do Dragão foi ontem palco de uma das maiores farsas de que há memória no futebol português: 48.809 espectadores pagaram bilhete para assistir a uma mentira. O zero zero final do clássico entre FC Porto e Benfica é o resultado de três erros de arbitragem tão graves quanto difíceis de compreender e de aceitar: aos 19 minutos, Jardel pisou Marega na área, mas não foi assinalado penálti; aos 45, Luisão jogou a bola com a mão na mesma área, mas também nem foi assinalado penálti nem lhe foi mostrado o segundo amarelo; aos 57, foi mal invalidado um golo a Herrera, por suposto fora de jogo - na realidade, tanto o mexicano como Aboubakar, outro interveniente na jogada, estavam vários metros em jogo", dispararam.

O emblema da cidade Invicta acrescentou ainda que a equipa deveria estar isolada na liderança, com mais quatro pontos que os leões e mais oito que as águias.

"Convém não esquecer que o jogo de ontem surgiu na sequência de uma jornada em que a crítica reconheceu por unanimidade que o FC Porto foi prejudicado numa grande penalidade aos 90 minutos, frente ao Desportivo das Aves. Com verdade desportiva, os Dragões poderiam ter ganho as últimas duas partidas, teriam somado seis pontos em vez de dois e seriam líderes confortavelmente isolados, com quatro pontos de vantagem sobre o Sporting e oito sobre o Benfica - uma equipa, de resto, que se tem revelado incapaz de somar pontos quando é confrontada, na Europa, com arbitragens por norma mais zelosas em relação à execução das leis do jogo. No espaço curto de menos de uma semana, a classificação da Liga foi adulterada por fatores que ultrapassam o controlo dos jogadores e dos treinadores, e que curiosamente beneficiaram os de sempre e prejudicaram os do costume", acrescentaram.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório