Meteorologia

  • 23 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

"Fomos vítimas claras de uma injustiça em Braga"

Nuno Espírito Santo considera que os "jogadores do FC Porto têm sido vítimas constantes de faltas graves" que "condicionam" a equipa.

"Fomos vítimas claras de uma injustiça em Braga"
Notícias ao Minuto

12:45 - 21/04/17 por Carlos Pereira Fernandes

Desporto Nuno Espírito Santo

Nuno Espírito Santo deixou duras críticas à arbitragem do duelo com o Sporting de Braga – que terminou empatado a uma bola – na conferência de imprensa de antevisão à receção ao Feirense.

O técnico dos azuis e brancos sublinha que “é preciso ser paciente, perspetivar sempre que os árbitros tenham um bom desempenho e sejam justos”, mas diz ser “muito difícil explicar o que aconteceu em Braga, que não tem explicação ou defesa possível”.

“Fomos vítimas claras de uma injustiça, eu estava lá, estava no banco, sei o que se passou. Não se passou nada que justificasse a expulsão do Brahimi e o castigo de dois jogos. É estranho e é absurdo”, atirou.

Ainda no que toca ao castigo do internacional argelino, Nuno Espírito Santo disse esperar “que seja feita justiça com o recurso” e mostrou-se “solidário com o jogador, que foi injustiçado”

“O que me preocupa como técnico são as inúmeras faltas do nosso adversário e a dualidade de critérios. Nós sentimos que não foi justo. Vamos debruçar-nos nisso e esperar que tudo seja normal. A única coisa que peço e peço de forma muito direta, é que sejam justos. Os jogadores do FC Porto têm sido vítimas constantes de faltas graves, que não estão a ser punidas, que nos condicionam”, rematou.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório