Meteorologia

  • 21 MAIO 2024
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 20º

"No final, vimos os jogadores do Dínamo Kyiv a chorar"

Treinador dos sub-19 do Sporting lamenta a situação pela qual os jogadores ucranianos estão a passar.

"No final, vimos os jogadores do Dínamo Kyiv a chorar"
Notícias ao Minuto

18:25 - 07/04/22 por Notícias ao Minuto

Desporto Filipe Pedro

Filipe Pedro, treinador da equipa de sub-19 do Sporting, congratulou os seus jogadores pela passagem aos quartos de final da UEFA Youth League, depois dos verde e brancos terem vencido o Dínamo Kyiv por 2-1.

"Entrámos muito bem no jogo, a circular bem a bola e chegámos logo ao golo. Isso deu-nos confiança e depois com o 0-2 até podíamos ter feito mais um ou outro golo, dadas as oportunidades. Na segunda metade, o jogo mudou um pouco, tentámos entrar com a mesma confiança e a mesma personalidade, mas o facto de sofrermos logo o penálti, que deu em golo, mexeu com a confiança da equipa e isso fez com que demorássemos a entrar no jogo. Mérito também da pressão mais alta que o FK Dynamo Kyiv fez", começou por dizer Filipe Pedro, em declarações aos meios oficiais do Sporting.

"Ainda assim, conseguimos criar algumas oportunidades, em ataque rápido, tal como o Dynamo. Os jogos da UEFA Youth League são mesmo assim, muito competitivos, e o Dynamo é uma equipa muito competente. Estamos de parabéns pelo resultado e por mais uma vez termos feito história na competição. É mais uma oportunidade para os nossos jogadores mostrarem o seu valor", acrescentou.

O técnico leonino falou ainda das emoções fortes que envolveram esta partida, a primeira que a equipa ucraniana faz depois da invasão da Rússia à Ucrânia há mais de um mês.

“Falámos sobre isso antes do jogo, sabíamos que para eles era mais do que um jogo e vimos isso na segunda parte. Estamos todos sensíveis ao momento que estão a viver. Antes do jogo trocámos camisolas e eles apareceram com as bandeiras. Ninguém ficou indiferente. No final, vimos os jogadores a chorar talvez pelo jogo, ou até não, mas aquilo que tentámos fazer foi confortá-los. Aquilo que todos nós mais queremos é que o conflito na Ucrânia se resolva e todos possam voltar às suas vidas normais", finalizou.

Leia Também: Sporting vence Dínamo Kyiv e segue para o dérbi lisboeta nos 'quartos'

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório