Meteorologia

  • 24 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Detido funcionário da Alfândega de Macau por suspeita de fraude

A Polícia Judiciária de Macau deteve na quarta-feira um funcionário dos Serviços de Alfândega pela suspeita de envolvimento numa rede de falsificação de cartões de crédito.

Detido funcionário da Alfândega de Macau por suspeita de fraude
Notícias ao Minuto

10:14 - 01/12/16 por Lusa

Mundo Justiça

"Os Serviços de Alfândega ficaram muito descontentes", afirmou hoje o diretor dos Serviços de Alfândega de Macau, Alex Vong, em declarações aos jornalistas à margem de uma conferência de imprensa do Conselho Executivo, prometendo tratar o caso "de forma rigorosa", "de acordo com a lei" e "sem tolerância".

"Vamos instalar um processo disciplinar contra esta pessoa e colaborar com a Polícia Judiciária na investigação", disse.

A PJ indicou que o suspeito, de 47 anos, foi detido na quarta-feira e transferido para o Ministério Público sob a acusação de passagem de moeda falsa.

A detenção surgiu depois de mais investigação relativamente ao desmantelamento, no início de abril, de uma rede de falsificação de cartões de crédito da China, que terá colaborado com um restaurante e duas lojas, numa operação que resultou em oito detidos, incluindo os responsáveis por esses estabelecimentos, de acordo com a PJ.

O funcionário dos Serviços de Alfândega é irmão mais novo de um dos detidos (uma mulher encarregada de um das 'boutiques').

Segundo a investigação da PJ, os dois irmãos fizeram cinco transferências na loja com cartões falsos em março, das quais duas foram bem-sucedidas, totalizando 12.000 patacas (1.415 euros), tendo recebido 15% do valor como recompensa.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório