Meteorologia

  • 27 JULHO 2017
Tempo
25º
MIN 21º MÁX 28º

Edição

Sindicato dos Bancários critica BdP por denunciar acordo de empresa

O Sindicato Nacional dos Quadros e Técnicos Bancários (SNQTB) condenou hoje a posição do Banco de Portugal de denunciar o acordo de empresa, considerando que vai ao "arrepio" dos recentes processos de negociação coletiva na banca.

Sindicato dos Bancários critica BdP por denunciar acordo de empresa
Notícias ao Minuto

22:23 - 21/04/17 por Lusa

Economia Banca

"Esta posição revela-se despropositada e inoportuna, tanto mais que o Banco de Portugal não tem qualquer razão objetiva de cariz económico-financeiro para tal denúncia", disse em comunicado o presidente do SNQTB, Paulo Marcos.

Para o dirigente sindical, esta denúncia do Acordo de Empresa pelo Banco de Portugal "ocorreu ao arrepio dos mais recentes processos de negociação coletiva no setor bancário, nos quais o unilateralismo foi paulatinamente substituído por negociações mais abertas e equilibradas".

O sindicato diz que entretanto já enviou a sua proposta e que aguarda o início de negociações diretas.

A Lusa questionou o Banco de Portugal sobre o motivo porque denunciou o acordo de empresa, tendo este dito que a instituição denunciou todos os acordos de empresa com os sindicatos pela necessidade de ter o seu alinhado com os dos outros bancos.

"Desde a sua criação em 2009, o Acordo de Empresa do BdP sempre teve como objetivo estar alinhado com o Acordo Coletivo do Setor Bancário. Atendendo a que este Acordo foi denunciado pelos Bancos e em junho de 2016 e foi substituído por outro, o BdP entendeu que devia também proceder à denúncia do seu Acordo no sentido de repor o seu alinhamento com a Contratação Coletiva do Sector Bancário", afirmou fonte oficial.

O Banco de Portugal acrescentou que as alterações a fazer visam as mesmas que no Acordo Coletivo de Trabalho assinado em 2016 pelos sindicatos e pelo setor bancário, acrescentando que agora há "um projeto de trabalho que poderá, naturalmente, evoluir com o processo negocial."

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório