Meteorologia

  • 25 MAIO 2020
Tempo
30º
MIN 17º MÁX 30º

Edição

"É preocupante que a Apple continue a ignorar direitos fundamentais"

O ‘whistleblower’ foi responsável por denunciar as gravações feitas através da assistente digital Siri.

"É preocupante que a Apple continue a ignorar direitos fundamentais"

Veio a público o ‘whistleblower’ responsável por denunciar as gravações de conversas feitas pela Apple através das assistente digital Siri. Thomas le Bonniec foi um trabalhador independente no projeto de avaliar a qualidade das gravações, transcrevendo-as para melhorar a qualidade e precisão da assistente.

“É preocupante que a Apple (e indubitavelmente não só a Apple) continue a ignorar e a violar direitos fundamentais e continue a reunir quantidades gigantescas de dados”, escreve le Bonniec numa carta aberta enviada às entidades reguladoras de privacidade na Europa.

“Estou extremamente preocupado que as gigantes de tecnologia estão basicamente a colocar populações inteiras sob escuta, apesar de ser dito aos cidadãos europeus que a Europa tem algumas das leis de proteção de dados mais fortes do mundo. Passar a lei não foi o suficiente: tem de ser aplicada a quem viole a privacidade”, escreve o ex-colaborador da Apple.

Conta o Business Insider que Le Bonniec estava sediado em Cork, Irlanda, quando trabalhou com a Apple quando denunciou a situação ao The Guardian, revelando ouvir “centenas de gravações todos os dias reunidas através de vários dispositivos da Apple”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório