Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2021
Tempo
24º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Um ano de Covid: Atitude de Marcelo e de Costa "respeita os portugueses"

Campos Fernandes considera que "o reconhecimento dos erros e das falhas é, acima de tudo, um "ato de respeito". Passado um ano desde que a pandemia chegou a Portugal, o antigo ministro da Saúde lembra que a política nunca deve ser encarada como "um mero exercício de fanfarronice irresponsável".

Um ano de Covid: Atitude de Marcelo e de Costa "respeita os portugueses"

Adalberto Campos Fernandes, ex-ministro da Saúde, fez uma reflexão sobre o combate à pandemia em Portugal, após ter passado um ano desde que foram identificados os primeiros casos de Covid-19 no país, em 2 de março de 2020.

"A atitude do Presidente da República e do primeiro-ministro é digna e respeita os portugueses", defendeu o antigo governante socialista, num texto divulgado, ontem, nas redes sociais.

Lembrando que Marcelo Rebelo de Sousa admitiu que é preciso "retirar lições com o que correu menos bem" e que António Costa alertou que “não podemos voltar a cometer erros”, Campos Fernandes sublinhou que "o reconhecimento dos erros e das falhas é, acima de tudo, um "ato de respeito".

"[É] um ato de respeito para com todos os que sofreram os efeitos da doença e também daqueles que estiveram sempre na linha da frente no seu combate. A política é demasiado importante para ser vista como um espetáculo ou um mero exercício de fanfarronice irresponsável", considerou.

O antecessor de Marta Temido denotou ainda que o último ano foi "muito duro" e que "dificilmente poderemos esquecer os momentos difíceis causadores de tantas dificuldades e sofrimento".

Leia Também: Graça Freitas admite cenário de nova escalada da pandemia em Portugal

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório