Meteorologia

  • 29 NOVEMBRO 2020
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 14º

Edição

Deputados PSD/Viseu preocupados com assistência nos cuidados primários

Os deputados do PSD eleitos por Viseu mostraram-se hoje preocupados com a "diminuição significativa da atividade assistencial" nos agrupamentos de centros de Saúde (ACES) do Douro Sul e de Viseu Dão Lafões.

Deputados PSD/Viseu preocupados com assistência nos cuidados primários
Notícias ao Minuto

13:21 - 29/10/20 por Lusa

Política Covid-19

Em comunicado, os deputados referem que se reuniram com as direções dos ACES "para aferir o impacto da covid-19 no acesso aos cuidados primários", tendo constatado "que há uma diminuição significativa da atividade assistencial".

As justificações dadas para que tal aconteça foram as restrições devido à covid-19, os horários dos transportes e as obsoletas centrais telefónicas, mas os deputados consideram ser evidente "a necessidade de contratação de mais recursos humanos e de um melhor planeamento".

"As consultas presenciais programadas tiveram uma redução superior a 50%, o que também acontece com o encaminhamento de doentes para consultas de especialidade, com a prescrição de exames de diagnóstico e terapêutico, bem como na assistência domiciliária", lamentam.

Na sua opinião, estes indicadores permitem "concluir que as teleconsultas, embora sejam uma ferramenta útil, não substituem, de forma alguma, a consulta presencial e que os planos de contingência executados não são eficientes".

Os social-democratas consideram que estes números também evidenciam que, "afinal, não há milagres do Serviço Nacional de Saúde", mas sim "muitos doentes não covid-19 a ficar para trás ao não terem equidade e acesso aos cuidados primários de saúde".

"Se a situação é por si muito preocupante, mais grave é não se vislumbrar nenhuma medida para responder e mitigar estes constrangimentos", acrescentam.

Atendendo à "sobrecarga do trabalho dos profissionais" e à previsão do aumento do número de infetados, os deputados do PSD defendem que "é urgente e necessário um reforço de pessoal para as diferentes áreas, em especial na resposta à covid-19, para libertar os médicos dos cuidados primários para responder às solicitações".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório