Meteorologia

  • 26 JANEIRO 2022
Tempo
11º
MIN 7º MÁX 15º

Edição

"Forças superiores" livram Isaltino da prisão

O vice-presidente da Transparência e Integridade – Associação Cívica, Paulo Morais, comenta, em declarações ao Jornal de Notícias (JN), que “só se compreende que Isaltino não seja preso porque existem, acima da Justiça, outro tipo de forças superiores”.

"Forças superiores" livram Isaltino da prisão

Isaltino está livre graças a “forças superiores”. Quem o diz é o vice-presidente da Transparência e Integridade – Associação Cívica, Paulo Morais. Em declarações ao JN, o responsável afirma que “só se compreende que Isaltino não seja preso porque existem, acima da Justiça, outro tipo de forças superiores”.

Para o também ex-vice-presidente da Câmara do Porto, “o caso Isaltino é um símbolo da impunidade dos poderosos e um sintoma de como o sistema [de Justiça] está tomado pela política”.

Recorde-se que na semana passada, o Tribunal de Oeiras rejeitou mais um recurso do presidente da Câmara local, mas também se voltou a abster de ordenar a execução da pena de dois anos de prisão a que Isaltino Morais foi condenado pelo Tribunal da Relação de Lisboa, em 2010.

Para Paulo Morais, "se, eventualmente, Isaltino for preso no curto prazo, o País respirará um pouco melhor".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório