Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2022
Tempo
24º
MIN 17º MÁX 24º

Fortunato "lamenta profundamente" a "morte prematura" de Raquel Seruca

Ministra da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior recorda que cientista "se distinguiu, "nacional e internacionalmente", na "área da genética do cancro gástrico, tendo sido considerada especialista mundial em invasão das células cancerígenas".

Fortunato "lamenta profundamente" a "morte prematura" de Raquel Seruca
Notícias ao Minuto

20:04 - 30/05/22 por Notícias ao Minuto

País Elvira Fortunato

A Ministra da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Elvira Fortunato, "lamentou profundamente", esta segunda-feira, a "morte prematura de Raquel Seruca", que faleceu esta segunda-feira, aos 59 anos.

Numa nota enviada às redações, pelo Gabinete da ministra, é recordado que  Raquel Seruca se distinguiu, "nacional e internacionalmente", na "área da genética do cancro gástrico, tendo sido considerada especialista mundial em invasão das células cancerígenas, em particular no cancro gástrico e no cancro do cólon".

E mais: "Enquanto investigadora do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde (i3S) da Universidade do Porto, criou, com a sua equipa do i3S, um método de diagnóstico para analisar a probabilidade de um paciente desenvolver cancro gástrico hereditário".

"Além de investigadora do i3S, era, atualmente, vice-diretora do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular (Ipatimup) e docente de Patologia na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto", é ainda salientado no mesmo comunicado.

Raquel Seruca "foi distinguida por duas vezes com o prémio Labmed e o prémio Benjamim Castelman USCAP e "recebeu ainda a insígnia de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique pela investigação na área do cancro do estômago, a Medalha de Ouro de Mérito Científico atribuída pela Câmara Municipal do Porto e recebeu o Prémio Activa Mulheres Inspiradoras de Ciência 2021 pela coordenação da candidatura do i3S, no âmbito do consórcio Porto Comprehensive Cancer Centre, aos fundos do Norte 2020".

A investigadora "deixa mais de 260 artigos científicos publicados nas mais importantes revistas científicas".

Raquel Seruca obteve a licenciatura em Medicina em 1986 e o doutoramento em 1995, na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, e realizou um pós-doutoramento na Universidade de Groningen, Países Baixos, em 1998.

O funeral realiza-se na terça-feira, às 15h00, na Igreja de Cedofeita.

Leia Também: "Considerada uma mente brilhante". Marcelo lamenta morte de Raquel Seruca

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório