Meteorologia

  • 28 SETEMBRO 2021
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

AO MINUTO: Setores "presos por arames"; Novo máximo de casos no Brasil

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no mundo.

AO MINUTO: Setores "presos por arames"; Novo máximo de casos no Brasil

O boletim epidemiológico divulgado esta sexta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS) deu conta de 949 novos casos de Covid-19 e 28 mortes no espaço de 24 horas. Portugal totaliza nesta altura 808.405 contágios e 16.486 óbitos. O número de recuperados ascende a 728 mil. Os casos ativos voltaram a descer, e fixam-se em 63.260. Prossegue a tendência de descida nos internamentos, em enfermaria e nos cuidados intensivos.

Portugal aproxima-se do milhão de inoculações das vacinas contra a Covid-19. Segundo os dados do Governo, foram administradas mais de 972 mil vacinas. Mais de 279 mil pessoas já foram completaram a vacinação.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no mundo.

00h02 - Suspendemos aqui o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de sábado. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

Só quer tirar dúvidas? Não assoberbe as linhas telefónicas: [email protected]

23h58 - O gabinete do governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, nega ter "alterado" o número das mortes nos lares do estado, informa a agência Efe. O gabinete de Cuomo reagiu à notícia avançada pelo The New York Times de que os assessores do governador teriam reescrito um relatório para esconder um número mais elevado de mortes do que aquele que foi divulgado publicamente.

Beth Garvey, conselheira do governador, assinalou que as mortes não foram "ocultadas", mas que foram registadas no lugar onde ocorreram, nos hospitais ou nos lares onde estavam.

23h45 - Os Estados Unidos já administraram 85 milhões de doses das vacinas da Covid-19, revelou o Centro de Prevenção e Controlo das Doenças norte-americano (CDC).

23h32 - Uma pessoa que testou positivo para a estirpe brasileira do coronavírus no Reino Unido, e cujo paradeiro as autoridades desconheciam, foi encontrada esta sexta-feira após uma operação de busca intensa. A pessoa misteriosa foi localizada em Croydon, no sul de Londres.

O ministro da Saúde, Matt Hancock, afirmou que a pessoa em questão não terá, ao que tudo indica, infetado mais ninguém.

23h07 - A associação humanitária Médicos Sem Fronteiras (MSF) retomou hoje as iniciativas de resposta à pandemia, com ações de prevenção de surtos de Covid-19 em bairros vulneráveis da região de Lisboa e Vale do Tejo.

22h38 - O Movimento "A Pão e Água", que hoje juntou no Porto várias centenas de empresários em protesto, defendeu hoje que o plano de desconfinamento "já devia ter sido apresentado" para "dar tranquilidade" a setores que estão "presos por arames".

"Queremos um plano de desconfinamento. Já devia ter sido apresentado para dar alguma tranquilidade às pessoas e podermos planear o nosso futuro a curto e médio e prazo (...). [Estes setores estão] presos por arames. Num mês ou dois vamos começar a ver, em efeito dominó, o encerramento de centenas de empresas", disse um dos porta-vozes do movimento, Miguel Camões.

22h33 -Pelo terceiro dia consecutivo o Brasil registou um novo recorde de casos de Covid-19. O Ministério da Saúde brasileiro anunciou que foram diagnosticados 75.495 casos de infeção no último dia. Este foi o segundo dia seguido com mais de 75 mil contágios.

Foram notificadas 1.800 vítimas mortais desde ontem.

No total, o Brasil soma 10.869.227 casos positivos e 262.770. O país contabiliza ainda 9,6 milhões de recuperados.

22h21 - O governo de São Tomé e Príncipe recebeu hoje 24 mil doses de vacina contra a Covid-19, que vai permitir começar "a dar o primeiro passo em termos do processo de vacinação da população", disse o primeiro-ministro são-tomense.

As vacinas foram fornecidas pela plataforma Covax, numa parceria entre a Coalition for Epidemic Preparedness Innovations (Cepi), a Vaccine Alliance (Gavi, presidida pelo antigo primeiro-ministro português José Manuel Durão Barroso), Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e Organização Mundial de Saúde (OMS).

20h59 - A Bélgica decidiu hoje estender a proibição de viagens não essenciais para fora do país até 18 de abril, enquanto, a partir de segunda-feira, até 10 pessoas podem reunir-se no exterior e, em maio, os restaurantes e bares reabrem.

20h56 - A Madeira diagnosticou nas últimas 24 horas 46 novos casos de Covid-19 e 120 recuperações, registando um total de 819 infeções ativas, revelou hoje a Direção Regional da Saúde.

20h44 - O Departamento de Saúde e de Assistência Social britânico referiu esta sexta-feira que foram detetados 5.947 novos contágios e morreram mais 236 pessoas devido à Covid-19 no espaço de 24 horas. O Reino Unido totaliza 4.207.304 casos confirmados e 124.261 vítimas mortais.

20h21 - O presidente do Chile, Sebastián Piñera, pediu hoje ao Congresso o prolongamento do estado de catástrofe em vigor no país, medida que permite decretar restrições de movimentos, quarentenas e recolher obrigatório, face ao aumento de casos de Covid-19.

Esta medida coincidiu com a divulgação pelo Ministério da Saúde de 5.325 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, o número mais elevado desde a fase mais dura da pandemia em junho de 2020, quando os contágios rondaram os 7.000.

20h19 - O governo checo informou que pode transferir doentes com Covid-19 para o estrangeiro, para aliviar a pressão sobre os seus hospitais, ao mesmo tempo que pede a alunos de medicina ajuda no combate à pandemia.

20h16 - O PAN recomenda ao Governo que o desconfinamento das escolas comece pelo pré-escolar e primeiro ciclo, e que o plano para a reabertura preveja a testagem da comunidade escolar e menos alunos por turma.

19h58 - O secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação garantiu hoje que Portugal está a trabalhar no plano europeu para que a União Europeia (UE) tome medidas adicionais para acelerar a vacinação designadamente em África.

19h35 - O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou hoje que a situação no Brasil em relação à pandemia de Covid-19 é "muito preocupante" e instou o governo a tomar medidas "agressivas".

"Se o Brasil não agir de forma forte vai afetar todos os vizinhos e além da América Latina. Medidas de saúde sérias são muito importantes", disse, referindo o "aumento contínuo" de casos em fevereiro, mas também do número de mortes.

"Muitos países baixaram (o número de casos) mas o Brasil piorou", salientou.

19h24 - O nível de ameaça pandémica percecionada pelos cidadãos tende a refletir a situação epidemiológica, mas foram também identificados períodos em que isso não ocorreu, concluiu um estudo divulgado hoje pela Universidade Católica Portuguesa (UCP).

19h09 - As autoridades de saúde francesas revelaram esta sexta-feira que foram identificados 23.507 novos casos de Covid-19 e morreram 439 pessoas nas últimas 24 horas. Em termos globais, França perfaz 3.859.102 casos positivos e 88.274 vítimas mortais. O número de recuperados é de quase 264 mil.

18h48 - Os assessores de Andrew Cuomo, o governador do estado de Nova Iorque, reescreveram um relatório para esconderem um número mais elevado de mortes nos lares durante a pandemia do que aquele que tornaram público.

O relatório elaborado pelo departamento de Saúde do estado de Nova Iorque era relativo a junho de 2020 e colocava as mortes nos lares cerca de 50% acima daquilo que foi divulgado publicamente.

O relatório chegava mesmo a comparar o número de mortes nos lares no estado de Nova Iorque com os dados de outros estados. O total de 9.250 óbitos nos lares de Nova Iorque naquela altura era bastante superior ao do segundo estado com maior número de mortes nos lares – Nova Jérsia, que registava então 6.150.

18h46 - Portugal já administrou um milhão de vacinas contra a Covid-19. O marco foi registado esta sexta-feira, e o momento foi presenciado pelo secretário de Estado da Saúde, Diogo Serras Lopes.

"Esta vacina 1 milhão dá-nos alento e esperança para os meses que aí vêm", sublinhou o governante.

18h43 - A Comissão Europeia defendeu hoje que o bloqueio, pela Itália, do envio de 250.000 doses da vacina da AstraZeneca para a Austrália ocorreu porque a empresa entrega "sistematicamente" menos doses do que o acordado nos contratos com a UE.

18h39 - O Ministério da Saúde espanhol anunciou esta sexta-feira que foram diagnosticados 6.654 novos casos de contaminação por coronavírus e morreram 637 pessoas desde ontem. No total, Espanha acumula 3.149.012 casos confirmados e 71.138 vítimas mortais.

A incidência de transmissão do vírus voltou a diminuir, e fixa-se em 149 casos por cada 100 mil habitantes.

Face a esta nova descida, a situação epidemiológica relativa à Covid-19 em Espanha passou do risco alto para o risco médio.

18h12 - Segundo um relatório do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) hoje divulgado, oíndice médio de transmissibilidade (Rt) do vírus SARS-CoV-2 está nos 0,71 em Portugal Continental, representando uma tendência decrescente de casos de Covid-19, com exceção dos Açores e da Madeira, que apresentam um valor acima de 1.

17h35 - Uma petição junto do parlamento britânico para convencer o governo a retirar Portugal da 'lista vermelha' de países sujeitos ao regime de quarentena em hotéis designados alcançou mais de mil assinaturas em poucas horas.

17h08 - O surto de Covid-19 no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Vimieiro, no concelho de Arraiolos, distrito de Évora, com 45 infetados, regista oito óbitos associados à doença, divulgou hoje a câmara.

17h06 - Cerca de 28.500 pessoas morreram na Rússia em janeiro devido a infeções provocadas pelo novo coronavírus, um número elevado mas em baixa de um terço em relação ao mês anterior, indicou hoje a agência de estatísticas russa (Rosstat).

16h52 - O mecanismo de solidariedade europeu da vacina contra a Covid-19 ganhou hoje um novo impulso, depois de a França admitir seguir o exemplo de Itália e bloquear as exportações de vacinas para fora da União Europeia quando sejam necessárias nos 27.

A UE defendeu a decisão das autoridades italianas de suspender um envio de doses da vacina da AstraZeneca destinadas à Austrália.

16h44 -Itália ultrapassou esta sexta-feira a marca dos três milhões de casos de infeção por coronavírus, isto numa altura em que o número de contágios está a registar uma maior propagação. Os dados divulgados hoje pela proteção civil italiana dão conta de 24.036 novas infeções e mais 297 óbitos em 24 horas.

Em termos acumulados, a Itália soma 3.023.129 casos de contágio e 99.271 vítimas mortais. O total de recuperados subiu para 2.467.388.

16h04 - Os peritos da Organização Mundial da Saúde (OMS) enviados em janeiro a Wuhan, China, para averiguar a origem do novo coronavírus vão divulgar o relatório final da investigação na semana de 15 de março, foi hoje avançado.

A informação foi referida na quinta-feira pelo diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, segundo avançaram as agências internacionais, durante uma intervenção dirigida aos delegados dos países-membros da agência que integra o sistema das Nações Unidas.

"Sei que muitos países-membros estão ansiosos para ver o relatório" e "eu também estou", acrescentou o líder da OMS.

15h32 - Moçambique registou a morte de mais seis pessoas por complicações relacionadas com o novo coronavírus, tendo ainda 359 novos casos nas últimas 24 horas, anunciou hoje o Ministério da Saúde.

Leia Também: AO MINUTO: Internamentos continuam a baixar; Desigualdades "exacerbadas"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório