Meteorologia

  • 23 ABRIL 2021
Tempo
21º
MIN 15º MÁX 21º

Edição

AO MINUTO: Vacina eficaz contra variante. Testes em casa por 60 euros

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO:  Vacina eficaz contra variante. Testes em casa por 60 euros

Em linha com a tendência de abrandamento da pandemia nos últimos dias, Portugal contabilizou, nas últimas 24 horas, mais 2.324 novos casos de Covid-19 e 127 óbitos relacionados com a doença. No total, o país acumula 790.885 infetados e 15.649 mortes.

Um ligeira subida, mas não suficiente para inverter a tendência de descida dos casos ativos - menos 3.145 -, graças ao facto de o número de recuperados (mais 5.342 em relação à véspera) continuar a ser superior ao de novos casos e óbitos.

Esta quarta-feira, o Governo anunciou o repatriamento de cidadãos portugueses que se encontram no Brasil e que precisam de regressar a Portugal por "razões humanitárias"

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

00h00 - Boa noite! Chegou ao fim este acompanhamento ao MINUTO. Pela manhã será retomado um novo registo.

Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

Só quer tirar dúvidas? Não assoberbe as linhas telefónicas: [email protected]

23h40 - A Madeira registou hoje 72 novos casos de Covid-19, 87 recuperações e 181 situações suspeitas, indicou a Direção Regional de Saúde (DRS), referindo que o arquipélago passa a contabilizar 1.553 infeções ativas.

23h30 - Os passageiros que vivam em Portugal só serão autorizados a embarcar para a China em voos diretos, anunciou na terça-feira a Embaixada chinesa, justificando a decisão com a "grave e complexa" situação da pandemia de covid-19 em Portugal e a necessidade de evitar "infeções cruzadas em trânsito".

23h25- Atenção. O formulário para requisição do apoio social extraordinário para os profissionais da Cultura, no valor único de 438,81 euros, estará disponível online a partir de quinta-feira, disse hoje à Lusa fonte do Governo.

22h55 - Variante de África do Sul pode reduzir proteção da vacina, mas esta continua a ser eficaz.

As vacinas da Pfizer e da Moderna serão eficazes contra as variantes do novo coronavírus, incluindo a estirpe B.1.351, primeiramente identificada na África do Sul, segundo novos estudos publicados no New England Journal of Medicine. Embora o resultado aponte para uma menor produção de anticorpos, estes revelaram-se, ainda assim, suficientes para neutralizar o vírus.

22h50 - Porque nunca é demais relembrar: Se tiver alguns destes sintomas (tosse, febre, falta de ar, dificuldade respiratória e perda ou diminuição de olfato e paladar), mantenha-se em autoisolamento e contacte a Linha de Saúde 24 (SNS24): 808 24 24 24.

22h35 - Sabe que já pode 'encomendar' testes à Covid-19 ao domicílio por profissionais de saúde? A Glovo disponibiliza esse serviço, que tem um custo de 60 euros, na zona da Grande Lisboa, Oeiras e Cascais. Mas o objetivo a curto-prazo passa por alargar a outras áreas urbanas.

Na aplicação, é possível encontrar este serviço na seção Saúde e Beleza. É explicado que o teste antigénio da Swedicine, o usado neste serviço, tem uma precisão de 98% na deteção da Covid-19. O teste é realizado por um profissional de saúde que contactará o 'cliente' em poucos minutos ao fazer o pedido. E em 15 minutos terá o resultado.

Notícias ao Minuto Aplicação Glovo © Glovo

22h00 - O processo de vacinação contra a Covid-19 à população de Matosinhos, no distrito do Porto, arranca na quinta-feira, numa fase em serão vacinadas 1.551 pessoas, anunciou hoje a Unidade Local de Saúde de Matosinhos (ULSM).

21h42 - O Brasil reportou mais 56.766 casos de infeção por novo coronavírus, um pouco acima do reportado no dia anterior (55.271). O número total de casos confirmados no país, desde 26 de fevereiro, é agora de 9.978.747, segundo o site do Ministério da Saúde.

21h20 - "Se confinamento tiver de se prolongar até depois da Páscoa que o façam". O secretário-geral da UGT, Carlos Silva, afirmou hoje que o que sucedeu no Natal não pode repetir-se na Páscoa, manifestando-se favorável à manutenção do confinamento até à nova quadra festiva se tal for necessário.

20h20 - Rússia vê pandemia como oportunidade para enfraquecer Ocidente? Os serviços de informações da Estónia afirmaram hoje que a Rússia encara a atual pandemia da Covid-19 como uma oportunidade para enfraquecer a unidade no Ocidente e ampliar o poder de influência de Moscovo na esfera internacional.

20h15 - A América do Norte, com 9,36 doses de vacinas administradas por 100 habitantes, é a região do mundo mais imunizada contra a Covid-19, conforme dados recolhidos pelo portal ourworldindata.org até 15 de fevereiro.

20h10 - A CGTP considerou como um avanço o alargamento da medida extraordinária de apoio à família aos pais que optem por deixar o teletrabalho para cuidar dos filhos pequenos, cujas escolas estão encerradas devido à pandemia da Covid-19.

19h58 - Atualização em França: Nas últimas 24 horas morreram em França 311 pessoas devido à Covid-19 e já foram vacinadas no país quase 2,5 milhões de pessoas com a primeira dose, segundo divulgaram as autoridades francesas. Foram notificadas 25 mil novas infeções.

19h55 - Pós-Covid? Teleconsultas "vieram para ficar" no Hospital Amadora-Sintra. Esta forma de consultas pode ser benéfica, em particular, para utentes mais velhos, que tenham dificuldades em deslocar-se fisicamente à unidade de saúde

19h40 - O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, revelou hoje que no rastreio à Covid-19 nas escolas realizado durante as duas semanas de interrupção letiva foram registados 25 casos positivos entre cerca de 13 mil funcionários.

19h25 - O presidente da Confederação do Turismo de Portugal (CTP) disse hoje ser "urgente" a criação de novas medidas de apoio às empresas, avisando que as existentes estão "gastas" já que foram desenhadas para três ou seis meses.

19h10 - O secretário-geral da UGT, Carlos Silva, exigiu hoje que o Governo alargue aos pais com filhos até ao 2.º ciclo do ensino básico a possibilidade de optarem entre teletrabalho e o apoio à família.

18h35 - O ex-ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, considerou que, ao contrário do que chegou a ser referido, Portugal não foi o primeiro país de uma nova vaga que se estaria a iniciar a oeste. "Infelizmente, para Portugal, teremos sido o último dos piores", observou numa publicação feita no Facebook.

"Felizmente, para Portugal, e para o mundo estamos a entrar num novo ciclo mais positivo e muito mais esperançoso. Como referimos, em setembro passado, teríamos pela frente 4 meses muito difíceis, o mês de janeiro seria terrível e a primavera traria bons sinais", realçou o especialista em Saúde Pública, frisando que, neste momento, "com muito rigor, disciplina, planeamento e organização poderemos iniciar o caminho de regresso à normalidade". "O mais importante será não desvalorizar os sinais que nos conduzem à realidade", advertiu.

18h25 - O subdiretor-geral da saúde, Rui Portugal, defendeu hoje que a testagem à Covid-19 deve ser feita em função das circunstâncias, não pode ser feita "à toa" e disse que o modelo não pode ser rígido.

18h18 - Espanha determina quarentena a passageiros provenientes do Brasil e de África do Sul devido às novas variantes do SARS-CoV-2.

17h45 - Atualização em Espanha: O Ministério da Saúde espanhol reporta, esta quarta-feira, um acréscimo de 10.829 casos de contágio ao balanço total, uma subida em relação à véspera (10.057). O número total de casos de pessoas com diagnóstico positivo é agora de 3.107.172 desde o início da pandemia em Espanha. As autoridades sanitárias registaram, ainda, a morte de 337 pessoas nas últimas 24 horas (na véspera foram reportadas 530). Em termos globais, Espanha já contabiliza 66.316 mortes desde o início da crise pandémica.

17h40 - Arrancou esta tarde a operação de vacinação da população da ilha do Corvo, nos Açores. Até à próxima sexta-feira serão vacinadas 308 pessoas, tantas quantas aderiram à vacina e estão em condições de serem inoculadas.

Notícias ao MinutoVacinação contra a Covid-19 na ilha do Corvo© DR

17h40 - O ministro da Saúde da Croácia afirmou hoje que cerca de um milhão de doses da vacina russa Sputnik V contra a covid-19 podem ser importadas para o país, mesmo sem aprovação da Agência Europeia de Medicamentos (EMA).

17h36 - O Senegal prepara-se para receber hoje 200 mil doses de vacina contra a covid-19, produzida pelo laboratório chinês Sinopharm, permitindo iniciar a campanha de vacinação de pessoas em risco até ao final de fevereiro, disseram as autoridades.

17h20 - "Portugal é um dos países mais prejudicado pelos atrasos" das vacinas, lamentou hoje o comunista João Ferreira.

O eurodeputado considerou que Portugal "não pode ficar prisioneiro dos interesses das multinacionais farmacêuticas, nem de quem as defende". Para tal, defendeu que a saúde publica deve prevalecer sobre direitos de propriedade intelectual. "Por outras palavras, requer abrir as patentes".

17h00 - Vacinação: 2.690.457 vacinas já foram administradas na vizinha Espanha, de acordo com os dados divulgados hoje. Mais de 1 milhão já têm a vacinação completa.

16h40 - Sucedem-se as situações de restaurantes abertos ao público em pleno confinamento, violando assim as regras do Estado de Emergência em vigor. Desta vez, as autoridades encerraram um restaurante que se encontrava a funcionar, em Gafanha da Nazaré. No interior do estabelecimento estavam cinco pessoas, a beber bebidas alcoólicas.

Foi identificado o seu proprietário, um homem de 74 anos, e o estabelecimento foi encerrado, sendo ainda elaborados cinco autos de contraordenação: um por violação da suspensão de atividade de prestação de serviços em estabelecimento aberto ao público, e quatro por incumprimento do dever geral de recolhimento domiciliário.

16h35 - A Comissão Europeia espera que a presidência portuguesa da União Europeia (UE) consiga "acrescentar algo" às negociações para acelerar a produção de vacinas contra a Covid-19, promovendo nomeadamente discussões entre Estados-membros, disse hoje o comissário do Mercado Interno.

16h20- Atualização em Itália: Itália reportou hoje mais 12.074 infeções e 369 mortes relacionadas com a Covid-19. O país contabiliza agora um total de 2.751.657 casos positivos confirmados desde o início da pandemia no país, a 21 de fevereiro, e 94.540 óbitos acumulados, o segundo maior número de mortes associadas à Covid-19 na Europa, depois do Reino Unido

16h05 - Atualização no Reino Unido: O Reino Unido registou, nas últimas 24 horas, 12.718 casos positivos de Covid-19 e 738 mortes relacionadas com a doença, de acordo com a atualização feita esta quarta-feira. No total, desde o início da pandemia, o Reino Unido acumula 4.071.185 infeções e 118.933 mortes. Quase 16 milhões de pessoas já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no Reino Unido.

16h00 - A União Europeia recebeu 33 milhões de doses de vacinas da covid-19 desde o início da vacinação, em dezembro, mas quer aumentar este número através do reforço da capacidade de produção a nível europeu, avançou hoje a Comissão Europeia.

15h50 - O Reino Unido aprovou o primeiro estudo mundial sobre a covid-19 no qual os voluntários serão deliberadamente infetados com o vírus para testar a eficácia de vacinas e tratamentos, anunciou hoje o Governo britânico.

15h20 - O mais recente boletim da Direção-Geral da Saúde revela que Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais 127 óbitos, sendo que o total acumulado ascende às 15.649 mortes. O relatório das autoridades de saúde indica ainda que uma das vítimas mortais é um homem com idade compreendida entre os 40 e os 49 anos.

Já quanto ao número de infeções, há esta quarta-feira 2.324 novos casos de Covid-19, num total de 790.885 infetados desde que o vírus foi diagnosticado em Portugal. Comparativamente a ontem, estes dados traduzem uma variação de 0,82% no número de óbitos e de 0,29% no número de casos.

O abrandamento da pandemia nos últimos dias continua a ter reflexo também ao nível dos internamentos, sendo que há hoje menos 345 pessoas em enfermarias (total de 4.137) e menos 33 em unidades de cuidados intensivos (total de 719).

Este abrandamento é ainda notório no domínio dos casos ativos, sendo que o boletim epidemiológico indica que há hoje menos 3.145 (total de 92.175).

15h10 - O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, anunciou hoje o repatriamento de portugueses que se encontram no Brasil e que precisam de regressar a Portugal por "razões humanitárias".

Em 27 de janeiro, o Governo suspendeu os voos de e para o Brasil entre os dias 29 de janeiro e 14 de fevereiro, uma medida "de último recurso" que o ministro dos Negócios Estrangeiros admitiu ser necessária em conta a "situação muito difícil" que se vivia em Portugal em relação à pandemia de covid-19.

15h00 - Boa tarde! Continue a acompanhar AO MINUTO o desenrolar dos acontecimentos relacionados com a pandemia no país e no mundo.

Leia Também: AO MINUTO: Números estabilizam em Portugal; Internamentos em queda

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório