Meteorologia

  • 16 JULHO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 19º

Edição

PSP faz detenções em operação de combate ao furto e viciação de carros

Dois homens, um de 29 anos e outro de 60, foram detidos na terça-feira pela PSP no âmbito do combate à criminalidade de furto e viciação de viaturas, anunciou hoje o Comando Metropolitano do Porto.

PSP faz detenções em operação de combate ao furto e viciação de carros
Notícias ao Minuto

17:26 - 19/06/19 por Lusa

País Porto

Em comunicado, a PSP informou que a Divisão de Investigação Criminal concluiu "uma operação policial de grande envergadura, que teve o seu início há cerca de três meses" e cujo "propósito assentou na identificação e detenção de indivíduos que de forma organizada se dedicavam à prática da atividade criminosa associada ao furto e viciação de viaturas".

Ainda segundo a nota de imprensa a atividade criminal decorria nos concelhos de Paredes, Guimarães, Paços de Ferreira, Santa Maria da Feira, Vila Nova de Gaia, Arouca, Vila do Conde, Póvoa de Varzim e Santo Tirso.

A operação policial "foi desenvolvida com a colaboração do setor de marcas do Departamento de Investigação Criminal da Direção Nacional e Comandos Distritais de Braga e Aveiro da PSP e contemplou a realização de 16 mandados de buscas domiciliárias e sete mandados de busca não domiciliária, um estabelecimento de venda de peças automóvel, duas sucatas, duas oficinas auto e dois armazéns", acrescenta o documento.

As detenções verificadas foram de "um homem de 29 anos, residente em Paredes" e que a PSP considerou ser "o principal alvo da investigação" e outro "homem, de 60 anos, por posse de produtos explosivos".

Segundo a PSP foram ainda apreendidas "quatro viaturas automóvel (inclui uma de matrícula estrangeira por ter pendente um pedido de cooperação internacional), peças e componentes automóveis, um kit de gazuas, uma arma 'taser', várias munições, haxixe e ecstasy suficiente para cerca de 45 e 22 doses individuais, respetivamente e a quantia de 500,00 euros".

Acrescenta a nota de imprensa terem os detidos sido "presentes às autoridades judiciárias competentes".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório