Meteorologia

  • 20 JUNHO 2019
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 20º

Edição

Grupo detido pela PJ após vários roubos violentos no distrito de Viseu

Jovens recorriam ao Facebook para atrair vítimas com o falso pretexto de vender viaturas usadas a preços convidativos.

Grupo detido pela PJ após vários roubos violentos no distrito de Viseu

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, no decurso da operação ‘Facebook’, três homens e duas mulheres, todos desempregados e com idades compreendidas entre os 18 e os 21 anos, pela presumível autoria de nove crimes de roubo com recurso a arma de fogo, dois dos quais na forma tentada, ocorridos na zona de Nelas e Mangualde.

Num comunicado enviado ao Notícias ao Minuto, a PJ revela que quatro das cinco detenções ocorreram no cumprimento de mandados de detenção e uma foi feita em flagrante delito.

O grupo é suspeito de, recorrendo a falsificações informáticas, criar perfis no Facebook, “com o falso pretexto de vender viaturas usadas a preços convidativos ou para concretizar encontros amorosos”.

Quando as vítimas chegavam aos locais estabelecidos como pontos de encontro, os assaltantes montavam emboscadas e com “grande violência” apropriavam-se do dinheiros que as mesmas transportavam para concretizar o negócio.

Além das detenções, foram apreendidas três espingardas, uma pistola e várias munições, que eram, alegadamente, utilizadas nos assaltos.

Os detidos serão agora presentes a tribunal, para primeiro interrogatório judicial onde serão aplicadas as medidas de coação tidas como adequadas.

Os suspeitos estavam a ser investigados há cerca de quatro meses, não só pela PJ, como também pela GNR e PSP.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório