Meteorologia

  • 23 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

China bane frases e livros como '1984' dos motores de busca na internet

Autoridades chinesas anunciaram alteração na constituição que põe fim ao limite de mandatos presidenciais no país, uma medida que está a ser vista como uma tentativa de perpetuar Xi Jinping no poder. Para evitar críticas, autoridades aumentar a censura na internet.

China bane frases e livros como '1984' dos motores de busca na internet

Os internautas chineses que escrevam ‘Quinta dos Animais’ [também conhecido como 'Triunfo dos Porcos'], o clássico livro de George Orwell, ou ‘1984’, do mesmo autor britânico, não vão obter qualquer resultado, noticia o The Guardian.

Tal acontece porque as autoridades decidiram censurar uma série de palavras, frases e até mesmo letras, como a 'N', uma tentativa, vista pelos analistas, como uma forma de o governo de Xi Jinping  acabar com qualquer contestação à sua liderança.

Na semana passada, recorde-se, foi anunciada uma alteração na constituição chinesa, que põe fim ao limite de mandatos na liderança do país. Atualmente, o presidente só poderia cumprir dois mandatos, sendo que Xi Jinping teria, desta forma, de sair do poder em 2023.

A medida, dizem os analistas, pretende perpetuar a liderança do líder chinês, uma tentativa de Jinping “ser o Mao Tsé-Tung do século XXI”. Mao governou a China durante 27 anos (1949-1976), tendo a limitação de mandatos na China entrado em vigor nos anos 1980.

Com a anunciada alteração na constituição, aumentou a censura na internet, sobretudo na Weibo, uma rede social semelhante ao Twitter. Entre as palavras e frases censuradas – a lista completa pode ser vista no The China Digital Times – estão nomes de livros, como os referidos ‘Quinta dos Animais’ ou ‘1984’, ou a frase “Xi Zedong” (uma mistura entre os nomes do atual presidente e de Mao), bem como “culto de personalidade”, “desacordo” ou “imortalidade”, uma censura que parece mesmo retirado de um romance distópico de George Orwell.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório