Meteorologia

  • 17 AGOSTO 2018
Tempo
25º
MIN 22º MÁX 27º

Edição

Morreu Sam Shepard. Tinha 73 anos

Ator estava doente há já algum tempo.

Morreu Sam Shepard. Tinha 73 anos

Sam Shepard, ator, dramaturgo, realizador e argumentista morreu, este domingo, na sua casa em Kentucky, nos Estados Unidos da América.

De acordo com o site especializado Broadway World, o ator tinha esclerose lateral amiotrófica e acabou por morrer ontem, na sua habitação, rodeado pela família.

Sam Shepard foi galardoado, em 1979, com o prémio Pulitzer na categoria drama pela sua peça 'Buried Child'. Entre os seus trabalhos contam-se 44 peças, vários livros, ensaios e memórias.

Desde os primeiros textos dramatúrgicos, em 1964, até à atualidade, Sam Shepard escreveu cerca de 50 peças de teatro, entre as quais 'Curse of the Starving Glass' e 'True West'.

No cinema, Sam Shepard fica ligado a várias produções como autor, nomeadamente, de 'Paris Texas', filme de Wim Wenders no qual assinou o argumento e que conquistou a Palma de Ouro em Cannes, e 'Deserto de Almas', de Michelangelo Antonioni.

Como ator, faceta que se intensificou nos últimos anos, em particular com a série recente 'Bloodline', da plataforma Netflix, Sam Shepard esteve nomeado para os Óscares em 1984 pela participação no filme 'Os eleitos', de Philip Kaufman. Entrou ainda em 'Dias do paraíso', de Terrence Malick.

Participou ainda em filmes como 'O Diário da Nossa Paixão', 'Marido por Acidente', 'Jogo Limpo' e 'Mata-os Suavemente', entre muitas outras longa-metragens.

Nascido a 05 de novembro de 1943 em Fort Sheridan, Illinois, Sam Shepard começou a escrever poesia e a representar ainda na adolescência e, mais tarde, quando estudava para ser veterinário decidiu juntar-se a um grupo de teatro e depois rumou a Nova Iorque.

'Cowboys', 'The Rock Garden' e 'La turista', esta uma alegoria sobre a Guerra no Vietname, foram as primeiras peças de teatro que escreveu, na década de 1960. Nos anos seguintes receberia vários prémios Obie, de teatro, por diversos textos dramatúrgicos.

Tocou bateria e guitarra no grupo rock Holy Modal Rounders, viveu com Patti Smith e Jessica Lange, parceria de quase trinta anos, e chegou a integrar, na década de 1970, a digressão 'Rolling Thunder Revue', de Bob Dylan.

Em Portugal tem públicados vários títulos, entre os quais 'Loucos por amor', 'Crónicas americanas' e 'O grande sonho do paraíso'.

'Never here', filme de Camille Thoman exibido em junho passado no Festival de Cinema de Los Angeles, foi a mais recente participação de Sam Shepard em cinema.

A título pessoal, o ator envolveu-se com a conhecida cantora Patti Smith e, mais tarde, com a atriz Jessica Lange com quem teve dois filhos (Hannah Jane Shepard e Samuel Walker Shepard). Da sua relação com a atriz O-Lan Jones nasceu o terceiro filho do ator, Jesse Mojo Shepard.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.