Meteorologia

  • 19 ABRIL 2024
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 21º

GAP, acusada de racismo, pede desculpa e vai substituir campanha

Acusações de racismo levam GAP a emitir pedido de desculpas. Imagem com criança branca apoiada numa negra gera polémica.

Notícias ao Minuto

12:52 - 06/04/16 por Goreti Pera

Mundo Moda

A GAP está envolta numa polémica relacionada com a mais recente campanha. Uma das fotografias da coleção criada em parceria com a apresentadora Ellen DeGeneres gerou críticas de racismo, por mostrar uma criança caucasiana apoiada na cabeça de uma negra.

O objetivo da campanha, onde aparecem mais duas meninas a fazer acrobacias, era “provar que as meninas conseguem tudo”. A criança negra, contudo, apresenta um ar apático e passivo, o que também terá sido motivo para as críticas.

O burburinho que fez soar nas redes sociais levou a marca a emitir um pedido de desculpas, esclarecendo que está a substituir a imagem da campanha por uma diferente.

“Como marca com 46 anos de história e orgulhosa de defender a liberdade e inclusão, agradecemos o feedback dado pelos clientes e pedimos desculpa por os ter ofendido”, disse a porta-voz Debbie Felix à revista Fortune.

Recomendados para si

;
Campo obrigatório