Meteorologia

  • 19 JULHO 2024
Tempo
25º
MIN 19º MÁX 31º

Alemanha pretende adquirir 2,4 milhões de munições de artilharia

A Alemanha pretende adquirir 2,4 milhões de munições de artilharia até ao final da década, por 15 mil milhões de euros, ao consórcio da alemã Diehl Defense e da norueguesa Nammo, noticiou hoje o Der Spiegel.

Alemanha pretende adquirir 2,4 milhões de munições de artilharia
Notícias ao Minuto

23:53 - 25/06/24 por Lusa

Mundo Alemanha

De acordo com aquele semanário, o ministério da Defesa, liderado por Boris Pistorius, juntamente com o ministério das Finanças já apresentou a proposta à comissão orçamental da câmara baixa do Parlamento alemão.

Da quantidade de obuses que as duas fabricantes devem produzir até ao final da década, tanto o exército alemão como a Ucrânia poderão encomendar uma quantidade considerável de munições de 155 milímetros.

Inicialmente, porém, as forças armadas alemãs pretendem encomendar apenas 200 mil projéteis, no valor de 1.310 milhões de euros, que serão entregues antes de 2030, segundo o Der Spiegel.

O principal objetivo é reabastecer os depósitos que foram esvaziados pelo fornecimento de munições à Ucrânia.

Os documentos estabelecem claramente que tanto a Ucrânia como todos os parceiros da NATO podem encomendar munições através do acordo de base alemão.

Com isso, o ministro da Defesa do país, Boris Pistorius, quer garantir que as duas empresas de defesa possam aumentar a sua capacidade de produção de munições de 155 milímetros que, neste momento, escasseiam na Alemanha.

Leia Também: Extrema-direita alemã expulsará membros que queriam aliar-se a neonazis

Recomendados para si

;
Campo obrigatório