Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 27º

Homem que matou netos em Espanha era descrito como "um avô exemplar"

Os populares descrevem o homem como uma pessoa calma e pacífica que estava a passar um mau momento pela morte da mulher e da filha dois meses antes.

Homem que matou netos em Espanha era descrito como "um avô exemplar"
Notícias ao Minuto

15:58 - 21/05/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Espanha

O homem de 72 anos que matou os dois netos menores, de 10 e 12 anos, e a seguir tirou a própria vida, em Huétor Tájar, em Granada, Espanha, era descrito como "um avô exemplar", que "ia todos os dias ao cemitério".

Dois meses antes, o homem tinha perdido a filha e a mulher num acidente de viação. O avô conduzia o carro em que toda a família viajava e no qual tiveram o acidente. Desmaiou ao volante e a filha e a mulher perderam a vida. Os netos estiveram nos cuidados intensivos durante uma semana devido a um traumatismo craniano e a vários ossos partidos.

Segundo os populares, o septuagenário era uma pessoa calma e pacífica e estava a passar um mau momento. Ia todos os dias ao cemitério visitar a mulher e a filha e costumava passear de bicicleta, além de que era "um avô exemplar", muito dedicado aos netos, reporta o canal de televisão Telecinco.

Ainda assim, o 'avô de Huétor Tájar' era um homem de poucas palavras, de poucos amigos. "Não bebia, não fumava, não ia a bares.... Estava sempre sozinho com a mulher e os netos", revelou um residente da localidade em declarações ao jornal local Granada Hoy.

De recordar que o pai das crianças teve de ser internado no hospital ao saber da morte dos filhos. Está sedado e a receber tratamento psicológico.

Leia Também: A última chamada do menino assassinado: "Posso ficar a dormir com o avô?"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório