Meteorologia

  • 21 JUNHO 2024
Tempo
24º
MIN 14º MÁX 24º

Avô que matou netos sobreviveu a acidente que vitimou filha e mulher

Este domingo cumpriram-se dois meses desde o acidente que vitimou parte da família.

Avô que matou netos sobreviveu a acidente que vitimou filha e mulher
Notícias ao Minuto

10:39 - 20/05/24 por Notícias ao Minuto

Mundo Espanha

O homem de 72 anos, que desde domingo à noite estava barricado no interior da sua casa em Huétor Tájar, Granada, Espanha, com os dois netos de 10 e 12 anos que acabaria por matar, fê-lo no dia em que se assinalavam dois meses da morte da sua mulher e da mãe das crianças. 

Segundo o Telecinco, o acidente poderá estar na origem do trágico desfecho que teve lugar este fim de semana. A 19 de março, o homem que matou os seus netos conduzia um carro com a sua mulher, filha e os dois netos. 

De repente, o carro embateu violentamente contra um muro, vitimando a sua mulher, avó das crianças. 

Os outros ocupantes do veículo foram levados para diferentes hospitais, consoante o seu estado de saúde. O homem e os netos sobreviveram, mas a sua filha morreu pouco depois.

À data, assumiu-se que a causa do acidente teria sido um desmaio do homem enquanto conduzia. Contudo, o acidente será novamente investigado.

Homem mata os dois netos e tira a própria vida de seguida em Espanha

Homem mata os dois netos e tira a própria vida de seguida em Espanha

A Guardia Civil e a polícia local, em conjunto, investigam as circunstâncias do que aconteceu e confirmam as causas do incidente.

Notícias ao Minuto | 09:15 - 20/05/2024

Recorde-se que o alerta foi dado por volta das 21h40 (horário local) de domingo por vizinhos que relataram que o homem, na posse de uma arma de fogo e em atitude ameaçadora para com os netos, se tinha barricado na sua casa situada na rua Alfredo Nobel.

A Guardia Civil e a polícia local foram de imediato mobilizados para o local, a rua foi cortada e foi iniciada uma negociação com o suspeito.

Fontes próximas da investigação confirmaram à agência de notícias espanhola que o homem matou os menores após uma discussão com o genro, acrescentando que uma das crianças morreu por asfixia e a outra por ferimento com arma de fogo. 

O avô também tirou a própria vida após ter disparado sobre si próprio com a arma, especificamente uma espingarda calibre 12.

Leia Também: APAV apoiou mais de 5.660 crianças e jovens vítimas de crime

Recomendados para si

;
Campo obrigatório