Meteorologia

  • 21 MAIO 2024
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 20º

Gémeas casam com gémeos e agora filhas (primas) são geneticamente irmãs

Meninas são 'irmãs quaternárias', uma vez que partilham um ADN muito semelhante.

Gémeas casam com gémeos e agora filhas (primas) são geneticamente irmãs
Notícias ao Minuto

14:54 - 24/04/24 por Notícias ao Minuto

Mundo EUA

Os casamentos de irmãs com irmãos (de outra família) não é invulgar. Contudo, é inusitado que duas gémeas idênticas se casem com outros dois gémeos, que por sua vez também são idênticos, e que ambos os casais tenham filhas com um ADN tão semelhante que são consideradas geneticamente irmãs, tal como aconteceu em Oregon, nos EUA.

De acordo com a People, as gémeas Kerissa e Vanessa Sealby, que têm milhares de seguidores nas redes sociais, começaram a namorar com os gémeos Jacob e Lucas, em 2020.

Vanessa começou a namorar com Lucas, semanas depois de o conhecer, num encontro às cegas. Posteriormente, o casal apresentou os irmãos e Kerissa e Jacob apaixonaram-se.

Ambos os relacionamentos deram certo. Depois de casarem, os casais foram viver para casas vizinhas e tiveram duas filhas: Sophie, que nasceu em 2022, é filha de Kerissa e Jacob, e Adrian, que nasceu em 2023, é filha de Vanessa e Lucas.

Apesar de tecnicamente as meninas serem primas, geneticamente são 'irmãs quaternárias', uma vez que têm um ADN muito semelhante.

Ao Today, o diretor de genética da unidade pediátrica do Hospital Hassenfeld, em Langone Health, John Pappas, disse que elas "partilham o ADN da mesma forma que os irmãos partilham".

Apesar disso, os pais garantem que as crianças têm personalidades muito intensas. "Adrian é mais intensa enquanto Sofia é mais calma", revelou Kerissa à People.

Leia Também: Pais acusados de agredir gémeas de cinco semanas até à morte

Recomendados para si

;
Campo obrigatório