Meteorologia

  • 13 ABRIL 2024
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 29º

Polícia encontra cinco mortos em casa na Carolina do Norte

Todos os feridos foram alvejados. Na mesma madrugada, outras duas pessoas foram mortas na região.

Polícia encontra cinco mortos em casa na Carolina do Norte
Notícias ao Minuto

09:56 - 27/10/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Tiroteios EUA

A polícia norte-americana está a investigar um possível tiroteio em massa no estado da Carolina do Norte, na localidade de Clinton, depois de terem sido encontradas cinco pessoas mortas com ferimentos de bala, na madrugada de quinta-feira, sem nenhum suspeito aparente.

O alerta surgiu pouco antes da meia-noite, com uma pessoa a contactar os serviços de emergência e a dizer que falou com uma das pessoas que foi morta por volta das 23 horas de quarta-feira, encontrando mais tarde os corpos quando parou pela habitação a caminho da sua própria casa.

A polícia do condado de Sampson explicou, num comunicado citado pela ABC News, que os agentes chegaram ao local e depararam-se com cinco mortos, incluindo uma mulher e quatro homens. Todas as vítimas apresentavam ferimentos de bala e as autoridades identificaram-nas como sendo de "diferentes etnias" e com idades entre os 30 e os 80 anos.

Não foi avançada qualquer informação sobre se as vítimas têm alguma relação entre si e as identidades só serão reveladas quando as famílias forem notificadas.

Não foi identificado também qualquer suspeito ou se algum dos mortos poderá ser o atirador.

O caso abalou a pequena comunidade na região, já que, no mesmo dia, foram registados outros dois incidentes violentos. Por volta das 1h40, um homem foi alvejado e morto pela polícia após apontar a arma aos agentes e, pelas 6h45 de quinta-feira, a polícia foi chamada a outra casa onde encontrou um homem morto, com ferimentos consistentes com uma agressão com arma branca.

As autoridades não acreditam que os incidentes estejam conectados.

"Esta manhã foi definitivamente pouco habitual no condado de Sampson. Não é normal para a nossa comunidade, para qualquer comunidade, e choca-nos", admitiu Eric Pope, da polícia regional, à televisão local WNCN.

Leia Também: Autoridades confirmam morte de 18 pessoas no duplo tiroteio nos EUA

Recomendados para si

;
Campo obrigatório