Meteorologia

  • 18 JULHO 2024
Tempo
24º
MIN 17º MÁX 33º

Tiroteio na California teve origem em discussão entre polícia e ex-mulher

Suspeito é um polícia reformado que terá discutido com a mulher antes de disparar.

Notícias ao Minuto

10:10 - 24/08/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Tiroteio

O histórico bar 'Cook's Corner', na Califórnia, nos EUA, foi palco, esta quarta-feira, de um tiroteio em massa.

O responsável é um ex-polícia que, na sequência de uma discussão com a ex-mulher, começou a disparar alternadamente, matando três pessoas.

O suspeito, sabe-se entretanto, é um ex-polícia de 59 anos. O homem foi sargento no Departamento de Polícia de Ventura. A sua carreira teve inicio em 1994 e estava reformado desde 2014.

Informações iniciais davam conta de que uma das vítimas mortais do tiroteio era Marie Snowling, a ex-mulher do suspeito. Contudo, o pai da mulher veio a público revelar que soube que esta tinha sido, afinal transportada com vida, para o hospital.

Segundo esta mesma fonte, o atacante era ex-marido da sua filha. Este descreve-o como uma pessoa desiquilibrada que nunca aceitou o divórcio. Esta quarta-feira, Maria, como era habitual, estava no restaurante para jantar, quando foi surpreendido pelo 'ex'. Uma troca acesa de argumentos culminou com o homem a disparar de forma aleatória contra quem estava no local.

Quatro pessoas morreram, incluindo o atirador. O Gabinete do Xerife do Condado de Orange confirmou o tiroteio em massa e informou que a sua equipa confrontou o suspeito, que estava armado com uma pistola. O suspeito foi baleado, mas não é claro se morreu devido às balas dos polícias ou devido a um ferimento auto-infligido, escreve o True Scoop.

Outras cinco outras pessoas ficaram feridas e foram hospitalizadas. Uma delas será a ex-mulher que terá sido atingida no rosto, mas sobreviveu.

Nas redes sociais vão surgindo informações sobre sucedido, havendo quem tenha já partilhado as imagens do homem e da mulher. Outros partilham vídeos do aparato vivido no local, logo após o crime, imagens que pode ver acima.

Nos Estados Unidos, os tiroteios em massa são geralmente considerados como aqueles que causam pelo menos quatro mortos ou feridos, sem contar com o atacante. Até agora, neste ano, houve mais de 640 em todo o país, de acordo com o Gun Violence Archive, que mantém uma base de dados sobre violência com armas.

[Notícia atualizada às 10h18]

Leia Também: Quatro mortos em tiroteio na Califórnia. Agressor era polícia reformado

Recomendados para si

;
Campo obrigatório