Meteorologia

  • 22 FEVEREIRO 2024
Tempo
16º
MIN 12º MÁX 18º

Presidente da Serra Leoa tomou posse apesar das críticas da oposição

O Presidente da Serra Leoa, Julius Maada Bio, tomou posse para um segundo mandato, no seguimento da vitória nas eleições presidenciais, apesar das críticas do candidato derrotado, Samura Kamara, que considera que os resultados não são credíveis.

Presidente da Serra Leoa tomou posse apesar das críticas da oposição
Notícias ao Minuto

17:05 - 28/06/23 por Lusa

Mundo Serra Leoa

"Ao abrigo da Constituição da República da Serra Leoa, tomou posse com uma promessa renovada de trabalhar frontalmente para a aceleração da agenda de desenvolvimento nacional para melhorar a qualidade de vida do povo da Serra Leoa", lê-se no 'site' da Presidência da República, citado pela agência Europa Press.

De acordo com o discurso de tomada de posse no 'site' da Presidência, a prioridade de Bio será "a segurança alimentar, consolidar os avanços no desenvolvimento de capital humano, criar trabalhos para os jovens, modernizar os serviços públicos e desenvolver a tecnologia e a infraestrutura".

Não se dirigindo diretamente ao seu adversário, Bio disse ainda: "Devemos unir-nos, agora que as eleições terminaram, e perseguir um objetivo comum, que é o desenvolvimento do nosso querido país".

Apesar de Bio já ter tomado posse, o candidato derrotado, Kamara, escreveu na rede social Twitter que o dia eleitoral foi "um dia triste", devido ao "ataque frontal à emergência da democracia".

"Ouvimos o desafortunado anúncio sobre as eleições presidenciais de 24 de junho por parte do presidente da comissão eleitoral", afirmou, defendendo que "os resultados não são credíveis".

"Rejeito de forma categórica o resultado anunciado pela comissão eleitoral", escreveu, reforçando que os dados sobre a votação "não são credíveis".

"Dou graças a todos pela confiança e por me apoiarem, reconheço os esforços dos nossos parceiros locais e internacionais, que apoiaram a transparência e a democracia", escreveu Kamara, prometendo "ficar em cima desta farsa" e "continuar a lutar por uma Serra Leoa melhor".

Julius Maada Bio foi reeleito à primeira volta com 56,17% dos votos, anunciou na terça-feira o presidente da comissão nacional eleitoral, Mohamed Kenewui Konneh.

O seu principal adversário, Samura Kamara, ficou em segundo lugar, com 41,16% dos votos, de acordo com os resultados finais apresentados numa conferência de imprensa em Freetown.

A lei eleitoral do país diz que um candidato é eleito à primeira volta se obtiver mais de 55% dos votos.

Cerca de 3,4 milhões de pessoas foram convocadas para escolher entre 13 candidatos para a eleição presidencial, um escrutínio com a aparência de uma desforra de 2018 entre Bio, um militar reformado de 59 anos, e Kamura, um tecnocrata de 72 anos e líder do Congresso de Todo o Povo (APC).

Em 2018, Bio venceu Kamura, mas só numa segunda volta, tendo recebido 51,8% dos votos.

Leia Também: Julius Maada Bio reeleito para um segundo mandato na Serra Leoa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório