Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
23º
MIN 14º MÁX 27º

Papa Francisco deverá ter alta hospitalar já este sábado

O Papa Francisco deverá estar, assim, disponível para presidir às celebrações da Semana Santa, já a partir deste domingo.

Papa Francisco deverá ter alta hospitalar já este sábado
Notícias ao Minuto

09:59 - 31/03/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Papa Francisco

O Papa Francisco deverá ter alta hospitalar já amanhã, sábado, segundo o jornal italiano La Repubblica, que cita a informação avançada pelo Cardeal Giovanni Battista Re, decano do colégio de cardeais.

O Sumo Pontífice encontrava-se internado no hospital Gemelli, em Roma, devido a "problemas cardíacos e respiratórios".

Isto após o Vaticano ter, inicialmente, anunciado que o Papa se encontrava na unidade hospitalar para realizar apenas exames programados.

O jornal italiano citado reporta ainda que o Papa Francisco deverá estar, assim, disponível para presidir às celebrações da Semana Santa, já a partir deste domingo.

As decisões foram tomadas após as mais recentes atualizações fornecidas pelo pessoal médico do hospital Gemelli, que dá conta de que o líder mundial da Igreja Católica passou mais uma noite tranquila, depois de já se ter anunciado uma "melhoria acentuada" no estado de saúde do Papa.

Um TAC realizado na quarta-feira à noite veio revelar que o Sumo Pontíficie apresentava uma infeção do trato respiratório superior, embora sem consequências para os pulmões, destaca o La Reppublica. Segundo o Vaticano, a medicação administrada, à base de "antibióticos", tem produzido os efeitos desejados.

O estado de saúde de Francisco - que se tem debatido ainda com problemas no joelho e de dor ciática, bem como de excesso de peso como consequência da sua reduzida mobilidade - tem preocupado os crentes a nível internacional, fazendo-os questionar sobre quanto mais tempo será capaz de liderar os destinos do Vaticano.

O Papa encontra-se, ainda, a recuperar de uma cirurgia intestinal realizada em 2021. Na intervenção cirúrgica, foram-lhe removidos 33 centímetros do cólon. 

Decorridos alguns meses, numa entrevista à Associated Press, em janeiro deste ano, Francisco acabou por revelar, no entanto, que a diverticulose que tinha motivado tal cirurgia havia voltado.

[Notícia atualizada às 10h17]

Leia Também: "Guerra não pode ser considerada uma solução para os conflitos", diz Papa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório