Meteorologia

  • 04 FEVEREIRO 2023
Tempo
MIN 7º MÁX 18º

Grécia. ONG que apoia crianças investigada por fraude e alegada violência

Uma investigação por fraude e suspeita de violência e abuso sexual foi aberta na Grécia contra uma Organização Não Governamental (ONG) que lida com crianças, anunciou hoje uma fonte judicial.

Grécia. ONG que apoia crianças investigada por fraude e alegada violência
Notícias ao Minuto

12:59 - 27/11/22 por Lusa

Mundo L'Arche du Monde

A ONG L'Arche du Monde acolheu centenas de crianças desde a sua fundação e recebeu inúmeros prémios, incluindo, em 2018, o Prémio dos Cidadãos Europeus, que premeia todos os anos pessoas ou organizações pela sua ação na promoção da integração e tolerância.

Três investigações preliminares estão a decorrer, disse a mesma fonte, citada pela Agência France-Presse. Uma delas está relacionada com uma possível fraude dentro da ONG, que ao longo dos anos recebeu milhões de euros e dezenas de propriedades de donativos privados.

Em agosto, um mergulhador disse que foi demitido pela ONG depois de denunciar que um dos seus empregados, segundo ele, havia espancado três crianças.

Um jovem de 19 anos, acolhido pela L'Arche du Monde, acusou, recentemente, um dos responsáveis de o ter abusado sexualmente.

O fundador da ONG, padre Antonios Papanikolaou, que trabalha desde 1998 com crianças de famílias gregas pobres ou migrantes, rejeitou todas essas acusações.

Por precaução, esta semana, o Governo trocou todo o Conselho de Administração e a direção da ONG.

"As crianças estão seguras", disse o primeiro-ministro Kyriakos Mitsotakis à Alpha TV, referindo que o caso era "complicado".

"Queremos saber mais sobre as finanças (da ONG). É uma organização que administra grandes somas de dinheiro, provenientes, sobretudo, de doações privadas", acrescentou.

O chefe da Igreja ortodoxa grega, arcebispo Ieronymos, destacou que o padre Papanikolaou era "o único responsável" pelo funcionamento da organização e que "nunca aceitou" cooperar com os responsáveis clericais encarregados da assistência social.

"Tanto dentro da Igreja como em toda a sociedade grega, estamos chocados ao mais alto grau", acrescentou.

Leia Também: Grécia pede a Bruxelas que ative mecanismo para realojar 500 migrantes

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório