Meteorologia

  • 29 NOVEMBRO 2022
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 16º

Putin diz que não vai ceder a "chantagem e intimidação"

As afirmações foram feitas minutos antes do discurso de Joe Biden.

Putin diz que não vai ceder a "chantagem e intimidação"

Minutos antes do discurso do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden na Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), o presidente Vladimir Putin, decidiu falar de novo num evento para marcar os 1.160 anos do Estado da Rússia.

Em declarações à imprensa, citadas pela agência Reuters afirmou que não vai ceder a "chantagens e intimidações", por parte do Ocidente.

Recorde-se que estas são declarações foram feitas horas depois de anunciar a mobilização parcial para reforçar a operação militar especial de Moscovo na Ucrânia e elogiar publicamente os militares russos, que, segundo ele, lutam para salvar pessoas na região ucraniana de Donbass.

O ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, informou, depois, que o decreto anunciado por Putin se aplicará "apenas àqueles com experiência militar anterior", o que equivale a cerca de 300.000 reservistas chamados a combater.

Foi ainda assegurado por Putin, no discurso desta manhã, que a Rússia tem armas "mais modernas" do que a aliança transatlântica NATO e que o Ocidente, e colocou em cima da mesa uma ameaça nuclear.

Leia Também: AO MINUTO: Guerra "escolhida por um homem"; "Paz mundial em perigo"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório