Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 7º MÁX 14º

Mulher que não consegue sorrir torna-se modelo e quer ser um exemplo

Após anos a sofrer de bullying, Tayla quer mostrar como conseguiu aceitar-se tal qual como é.

Mulher que não consegue sorrir torna-se modelo e quer ser um exemplo

Uma mulher que não consegue sorrir, devido a um problema neurológico, decidiu fazer frente a todo o bullying de que foi alvo e tornar-se modelo.

Tayla Clement foi diagnosticada com Síndrome de Moebius quando tinha apenas oito meses. A doença significa que não consegue mexer os olhos de um lado para o outro, levantar as sobrancelhas, ou mesmo sorrir, devido ao subdesenvolvimento dos seus nervos faciais.

Apesar de ter sido vítima de bullying durante toda a sua vida, devido ao seu aspeto "diferente", Tayla diz que aprendeu a aceitar-se tal qual como é e tornar-se num exemplo para outros. Assim tornou-se influencer, atleta paralímpica e, mais recentemente, em modelo.

"Tem sido um trabalho enorme para mim na minha jornada de autodescoberta e cura, mas penso que aquilo que me ajudou realmente foi compreender que sou o único eu que existe. Ninguém mais pode ser eu e eu não posso ser mais ninguém", afirma, citada pelo Mirror.

Tayla tem mais de 29 mil seguidores nas redes sociais e mais 27 mil no TikTok e assinou, recentemente, um contrato com a agência de modelos Zebedee.

"Quero realmente carimbar a minha marca na indústria da moda, sei que tenho tanto para dar e sei que tenho este incrível dom e capacidade de inspirar outros. Penso realmente que o céu é o limite, por isso quero levar isto o mais longe possível", remata.

Leia Também: Justin Bieber volta aos palcos após paralisia facial

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório