Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2022
Tempo
MIN 8º MÁX 14º

Britânica violada na Grécia diz que pai foi erradamente acusado

Mulher diz não se lembrar de nada e polícia deteve o pai da vítima.

Britânica violada na Grécia diz que pai foi erradamente acusado
Notícias ao Minuto

22:08 - 15/06/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Violação

Uma mulher britânica que foi violada enquanto estava de férias em Creta, na Grécia, alegou que a polícia grega acusou injustamente o seu pai do ataque.

A polícia disse que a mulher, que revelou estar bêbeda na altura, não se lembrava de nada sobre o ataque, a não ser do facto de o agressor usar roupa toda branca.

A jovem, de 33 anos -, que não foi identificada por razões legais - alegou que o pai estava no seu hotel na altura do ataque.

O pai da mulher, 62 anos, foi preso no sábado, dois dias após a filha ter apresentado um relatório policial.

A mulher contou ao MailOnline: "Posso dizer-vos 100 por cento que ele não me violou. Vivo com o meu pai no Reino Unido, estive de férias com ele na Grécia e ele é o melhor pai do mundo. Não há maneira de ele fazer algo tão nojento".

"Já disse isto à polícia grega, mas eles estão apenas a ignorar-me. Esta é uma situação incrivelmente stressante e traumática, mas há esperança para nós. Foi-nos dito pelo juiz que se o teste de ADN do meu pai o ilibar, então ele estará livre para ir".

Imagens das câmara de vigilância do bar mostraram um homem a fazer "gestos obscenos" para com a mulher antes de a atingir na cara e mais tarde atacá-la na praia, disse a polícia.

Os médicos examinadores disseram ao noticiário local Neakriti que a mulher tinha lesões consistentes com a violação.

O homem compareceu no tribunal em Heraklion na terça-feira e declarou-se inocente das acusações. Foi detido de novo, com o seu julgamento marcado para os próximos 18 meses.

A filha do homem prometeu permanecer com ele até ser libertado. "Só irei para casa com ele. Não consigo sequer pensar direito", disse a mulher.

Na sua queixa à polícia, a mulher disse que um homem desconhecido a tinha violado numa rua estreita perto de um bar onde ela tinha estado a beber com o seu pai, no dia 9 de junho.

Leia Também: MP acusa médico de violação e coação sexual em hospital da Covilhã

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório