Meteorologia

  • 29 JUNHO 2022
Tempo
23º
MIN 16º MÁX 23º

Sudão do Sul. Tentativas de roubo de gado fizeram 28 mortos e 30 feridos

Várias tentativas de roubo de gado no Sudão do Sul, no domingo e segunda-feira, provocaram 28 mortos e 30 feridos, anunciou hoje um oficial de segurança local.

Sudão do Sul. Tentativas de roubo de gado fizeram 28 mortos e 30 feridos
Notícias ao Minuto

20:49 - 17/05/22 por Lusa

Mundo Sudão do Sul

Os ataques foram levados a cabo no condado de Leer, estado da Unidade, por jovens armados dos condados vizinhos de Mayendit e Koch.

"Eles (jovens armados) vieram e atacaram a nossa posição. Dez do nosso povo estão mortos", afirmou o comissário do condado de Leer, Stephen Taker, à agência France-Presse, dizendo que as vítimas eram jovens pastores e uma mulher.

"Do seu lado, 18 pessoas morreram", acrescentou, dizendo que pelo menos 30 outros atacantes também foram feridos.

Um líder religioso sénior da Igreja Presbiteriana de Leer, o reverendo Stephen Kulang Jiech, confirmou que os ataques começaram no domingo à noite e continuaram até segunda-feira de manhã. Retomaram depois na segunda-feira à tarde.

Leer County é uma das áreas mais afetadas no Sudão do Sul, o país mais jovem do mundo, que tem vivido uma forte instabilidade política, económica e de segurança, desde a sua independência do Sudão, em 2011.

Esta região tem sido um dos focos da crise humanitária causada pela guerra civil entre os dois inimigos - Salva Kiir e Riek Machar - um nativo de Leer, entre 2013 e 2018, que causou quase 400.000 mortos e milhões de desalojados. Entre fevereiro e junho de 2017 foi declarado estado de fome.

Um reduto de Riek Machar tem sido devastado por combates entre forças pró-Kiir e pró-Machar, mudando de mãos regularmente durante a guerra civil.

Ao abrigo de um acordo de paz assinado em 2018, os dois homens partilham o poder, com Kiir como presidente e Machar como vice-presidente. Mas a sua rixa persiste, impedindo qualquer progresso significativo sobre as disposições do acordo de 2018.

No início de abril, os combates entre as tropas da SPLA-IO do vice-presidente Riek Machar e as forças que desertaram desse movimento para o campo de Kiir deixaram pelo menos 40 pessoas mortas e cerca de 14.000 desalojadas no condado de Leer.

O estado da Unidade também assistiu às piores inundações do país dos últimos 60 anos nos últimos meses.

Leia Também: Papa e outros líderes reforçam interesse em visitar Sudão do Sul

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório