Meteorologia

  • 26 JUNHO 2022
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 22º

Paris considera "inaceitável" oito anos de prisão para cidadão no Irão

O Ministério dos Negócios Estrangeiros de França qualificou hoje como "inaceitável" a condenação a oito anos de prisão de um cidadão francês, por espionagem, no Irão, onde está detido há mais de um ano e meio.

Paris considera "inaceitável" oito anos de prisão para cidadão no Irão
Notícias ao Minuto

19:20 - 25/01/22 por Lusa

Mundo Irão

"Esta condenação, que de facto não tem fundamento, é inaceitável", reagiu o Ministério, reiterando que Benjamin Brière foi detido "durante uma visita turística ao Irão" e precisando que o cidadão francês vai apresentar recurso da decisão do tribunal revolucionário iraniano.

Brière, de 36 anos, foi detido em maio de 2020 por ter tirado "fotografias em áreas proibidas" com um 'drone' [aparelho aéreo não tripulado] recreativo num parque natural do Irão.

Segundo o seu advogado, Philippe Valent, em declarações à agência France-Presse, Brière foi condenado também a mais oito meses de prisão por "propaganda" contra o regime iraniano.

Na prisão de Valikabad em Mashhad, nordeste do país, Brière está em greve de fome desde o final de dezembro para protestar contra as condições da detenção, tendo comparecido no tribunal de Mashhad na quinta-feira passada.

"Benjamin Brière não teve obviamente -- nem nunca teve -- um julgamento justo perante juízes imparciais. Não lhe foi dado qualquer direito de se defender, nenhum acesso ao processo da acusação, nenhuma oportunidade de preparar e apresentar uma defesa perante os juízes do tribunal revolucionário", acrescentou Valent, expressando preocupação sobre o estado de saúde do cliente.

O advogado relatou ainda a preocupação da família de Brière que "apela às autoridades francesas para tomarem medidas imediatas para permitir o seu repatriamento".

O Irão tem detidos mais de uma dezena de titulares de passaportes ocidentais, na sua maioria de dupla nacionalidade, que as organizações não-governamentais condenam como uma política de tomada de reféns destinada a obter concessões de potências estrangeiras.

Leia Também: Irão condena cidadão francês a oito anos de prisão por espionagem

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório