Meteorologia

  • 05 JULHO 2022
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 32º

Espanha. "Provavelmente na primavera já vamos falar de um vírus endémico"

Responsável pelo Plano Covid em Madrid afirma que, por enquanto, ainda não é correto assemelhar a Covid-19 a uma gripe, mas sê-lo-á na primavera.

Espanha. "Provavelmente na primavera já vamos falar de um vírus endémico"
Notícias ao Minuto

07:56 - 13/01/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Covid-19

Antonio Zapatero, o responsável pelo Plano Covid em Madrid, Espanha, acredita que na primavera o país já possa falar de um vírus endémico quando se referir à doença Covid-19.  

De acordo com uma entrevista do vice-ministro da Saúde Pública ao jornal El Mundo, na primavera já poderemos considerar o novo coronavírus como um vírus como o da gripe. 

A Ómicron é uma das grandes pistas para o especialista acreditar que não haverá mais vagas. Zapatero diz ser difícil encontrar uma mutação mais contagiosa do que esta variante, identificada inicialmente em África do Sul.

"Cada paciente ómicron infeta 10 ou 15 pessoas. Até agora, era o sarampo que tínhamos como referência de vírus mais contagioso. Mas também estamos a ver que para a grande maioria da população esse quadro clínico é leve. Em pacientes vacinados, a doença não se assemelha à anterior, mas em pacientes não vacinados lembra a anterior", explica o vice-ministro.

Zapatero justifica que a comparação da Covid com uma gripe "não parece correta agora, com o nível de mortes por dia na Espanha e como estão as UCI..." e que dizer isso é um "pouco precipitado".

Quando chegarmos a uma altura em que possamos chamar a esta doença uma espécie de 'Covid gripe', o que sucederá é "a grande maioria da população estar imunizada" e só uma "percentagem muito pequena poderá causar problemas significativos".

O responsável pelo plano Covid considera ainda que, se não fossem as vacinas, o país estaria "tremendamente mal" atualmente e que nos tempos que se avizinham serão criadas novas vacinas adaptadas às novas variantes. 

Recorde-se que Espanha registou, esta quarta-feira, o maior número de novos contágios num só dia: 179.125 novas infeções, com a incidência acumulada a aumentar para 3.127,9 por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias.

Segundo o Ministério da Saúde espanhol, o número de mortos associados à doença covid-19 foi de 125 pessoas. O total de casos notificados desde o início da pandemia, há quase dois anos, é agora de 7.771.367 e já morreram 90.508 pessoas devido à doença.

Leia Também: Covid-19: Espanha tem recorde diário de 179.125 novos contágios

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório