Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2022
Tempo
11º
MIN 5º MÁX 14º

Edição

AO MINUTO: Brasil com mais 10 mil novos casos; Dinamarca aperta medidas

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

AO MINUTO: Brasil com mais 10 mil novos casos; Dinamarca aperta medidas

A DGS deu ontem 'luz verde' à vacinação das crianças entre os 5 e os 11 anos, considerando como prioridade aquelas com doenças de risco para Covid-19 grave.

"Vão chegar cerca de 300 mil vacinas no dia 13 de dezembro e, depois, durante o mês de janeiro, chegarão mais 400 mil vacinas, o que, para esta população, será suficiente", disse António Lacerda Sales, a propósito da vacinação pediátrica, ainda antes do parecer positivo da DGS.

As 700 doses são suficientes "para vacinar todas as crianças dos 5 aos 11 anos", assegurou o secretário de Estado Adjunto e da Saúde.

Já os casos de Ómicron aumentaram em território nacional, situando-se, agora, nos 37. Ainda assim, a Organização Mundial da Saúde sublinhou que a variante Delta continua a ser a mais prevalente na Europa.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

23h30 - Brasil reporta mais 10 mil novos casos de Covid-19 e 233 mortes

As autoridades de saúde brasileiras reportaram, esta quarta-feira, 10.055 novos casos de Covid-19 e 233 mortes relacionadas com a doença. Assim sendo, de acordo com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS), o número de vítimas mortais na sequência do novo coronavírus aumentou hoje para 22.167.781. Já o número de vítimas mortais é agora de 616.251.

21h25 - Escolas fechadas, teletrabalho e vida noturna reduzida na Dinamarca

Encerramento de escolas, limitações da vida noturna e teletrabalho generalizado foram hoje anunciados pela primeira-ministra da Dinamarca como medidas para controlar a nova vaga de contágios da covid-19 no país.

21h11 - São Paulo quer exigir certificado de vacinação a partir de 15 de dezembro

São Paulo, o estado mais populoso do Brasil, pediu hoje ao Governo Federal que exija certificado de vacinação a viajantes que entrem no país e anunciou que, independentemente da resposta, implementará a medida na região em 15 de dezembro.

21h09 - França com 61 mil novos casos de Covid-19, o número mais alto de 2021

As autoridades de saúde francesas reportaram, esta quarta-feira, 61 mil novos casos de Covid-19, um recorde desde 2 de novembro de 2020. Além disso, nas últimas 24 horas, morreram 133 na sequência da doença no país.

20h52 - São Paulo quer exigir certificado de vacinação

São Paulo, o estado mais populoso do Brasil, pediu hoje ao Governo Federal que exija certificado de vacinação a viajantes que entrem no país e anunciou que, independentemente da resposta, implementará a medida na região em 15 de dezembro.

20h20 - Dinamarca fecha escolas primárias

A Dinamarca vai voltar a impor restrições com o objetivo de conter a rápida disseminação da Covid, na sequência da disseminação da variante Ómicron.

As novas medidas incluem o encerramento das escolas primárias, a partir de 15 de dezembro, e de restaurantes e bares a partir da meia-noite desta sexta-feira.

O governo dinamarquês também está a incentivar o teletrabalho e a pedir moderação nos convívios e encontros natalícios.

Apesar disso, salientou a primeira-ministra, Mette Frederiksen, "graças à vacinação" não é necessário, pelo menos por agora, confinar o país.

20h00 - Madeira com 88 novos casos e 794 infeções ativas

A Madeira registou hoje 88 novos casos de Covid-19 e 75 recuperações, indicou a Direção Regional de Saúde, referindo que o total de infeções ativas no arquipélago é agora de 794, com 23 doentes hospitalizados.

19h43 - IATA pede fim de restrições aéreas "sem fundamento"

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) pediu hoje aos governos que levantem "imediatamente" as restrições aéreas "sem fundamento" que foram emitidas há duas semanas, em resposta à variante Ómicron do coronavírus.

19h02 - Itália regista 18 mil novos contágios nas últimas 24 horas

A Itália registou cerca de 18 mil novas infeções por coronavírus nas últimas 24 horas, com a pressão nas unidades de cuidados intensivos (UCI) a registar um aumento de 15% em relação a terça-feira, anunciou hoje o ministério da Saúde.

18h38 - Reino Unido dá passo atrás. Voltam as máscaras e o teletrabalho

O governo britânico vai acionar o "plano B" para tentar controlar o avanço da variante Ómicron, cujos dados mostram que o número de casos está a duplicar cada dois a três dias. Fique a par das novas medidas aqui

18h25 - Belenenses SAD com 14 recuperados da variante Ómicron

O Belenenses SAD informou hoje que 14 dos 19 elementos do clube infetados com a variante Ómicron do coronavírus SARS-CoV-2 foram dados como "clinicamente aptos" pelas autoridades de saúde e terminaram o período de isolamento.

17h33 - Mais de 1,7 milhões já receberam dose de reforço da Covid-19 em Portugal

O relatório de vacinação da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta quarta-feira revela que 1.722.665 pessoas já receberam a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 em Portugal, ou seja, mais 61.874 que ontem.

17h27 - Salah foi vacinado contra a Covid-19 e deixa recado... aos não vacinados

Mohamed Salah revelou ter sido vacinado contra a Covid-19 e acredita ter tomado a melhor decisão. O craque do Liverpool destaca o conhecimento da medicina e deixa recado... aos não vacinados, ora veja

17h22 - Reino Unido com mais 51 mil novos casos de Covid-19 e 161 mortes

O Reino Unido reportou, esta quarta-feira, 51.342 novos casos de Covid-19 e 161 mortes relacionadas com a doença, aumentando assim o número de vítimas mortais desde o início da pandemia no país para 145.987. 

Já o número de casos reportados até ao momento é de 10.610.958.

17h11 - OMS pede revisão de planos de resposta nacionais face a nova variante

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde pediu hoje aos governos para reverem as suas estratégias sanitárias de resposta à Covid-19 face à nova variante do vírus da doença, a Ómicron, que parece ser mais contagiosa.

17h03 - Holanda vacina a partir de 20 de dezembro crianças com problemas de saúde

O Ministério da Saúde holandês anunciou hoje que iniciará a 20 de dezembro a vacinação contra a Covid-19 em crianças entre 5 e 11 anos com problemas de saúde, nomeadamente com asma grave ou doenças pulmonares crónicas.

16h48 - IL exige pareceres científicos sobre vacinação infantil

A Iniciativa Liberal (IL) disse hoje que vai exigir a divulgação dos pareceres científicos sobre a vacinação de crianças entre os 5 e 11 anos contra a Covid-19 e considerou "inaceitável" que DGS a autorize sem fornecer aquela informação.

15h50 - Assessora de Boris Johnson demite-se após "festa imaginária"

A assessora de Boris Johnson, Alegra Stratton, demitiu-se esta quarta-feira, depois da divulgação de um vídeo em que esta aparece a falar com o assessor Ed Oldfield e outro colaborador sobre uma "festa imaginária" de Natal que terá acontecido em Downing Street.

"Esta festa imaginária foi uma reunião de trabalho e não teve distanciamento social", diz a rir a responsável. Já o outro assessor garante que "não foi uma festa, foi vinho e queijo".

15h29 - França ainda não atingiu pico da quinta vaga da pandemia

O governo francês alertou a população, esta quarta-feira, que o país ainda não atingiu o pico da quinta vaga da pandemia.

"O pico claramente ainda não foi atingido. A pandemia continua a ganhar terreno", anunciou o porta-voz do governo Gabriel Attall, durante uma conferência de imprensa, acrescentando que, apesar disso, o número de casos diários parece estar a diminuir.

15h11 - ASAE suspende 10 estabelecimentos entre restaurantes, bares e discotecas

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) suspendeu dez estabelecimentos durante uma operação de fiscalização de restaurantes, bares e discotecas por não cumprimento das regras definidas no contexto da pandemia de Covid-19, foi hoje anunciado.

14h53 - Incidência de infeções e índice de transmissibilidade sobem

A incidência de infeções do vírus SARS-CoV-2 e o índice de transmissibilidade (Rt) aumentaram a nível nacional, passando para 438,4 casos por 100 mil habitantes e 1,11, respetivamente, segundo os dados oficiais de hoje.

Notícias ao Minuto Matriz de Risco - 8 de dezembro© Direitos Reservados

14h18 - Portugal com mais 15 mortes e 5.286 novos casos

Portugal registou, esta quarta-feira, mais 15 mortes e 5.286 novos casos relacionados com a Covid-19. Os dados constam do mais recente boletim da Direção Geral da Saúde (DGS), revelado esta quarta-feira. No total, desde o início da pandemia, o nosso país já somou 18.587 óbitos e 1.177.706 infeções.

No que a internamentos diz respeito, estão, em hospitais nacionais, 917 pessoas devido ao novo coronavírus (menos 19), sendo que, destas, 138 se encontram em Unidades de Cuidados Intensivos (mais cinco). 

14h11 - Pfizer/BioNTech "é eficaz" contra variante Ómicron com três doses

A vacina contra a covid-19 desenvolvida pelas empresas Pfizer e BioNTech "ainda é eficaz" contra a variante Ómicron do vírus com "três doses", mas "provavelmente" insuficiente com apenas duas, garantiu hoje a BioNTech, em comunicado.

14h06 - Vacinação em crianças deverá "provavelmente" começar pelos 11 anos

O primeiro-ministro, António Costa, disse hoje que a vacinação das crianças deverá "provavelmente" começar pelas que têm 11 anos e, progressivamente, avançar até às de cinco anos, um calendário que será apresentado no final da semana.

"No final desta semana haverá a apresentação do programa e calendário de vacinação [das crianças], provavelmente vamos começar pelas de 11 anos e, depois, vamos descendo até às de cinco anos", afirmou em entrevista ao programa Casa Feliz, da SIC.

14h02 - Saúde Pública começou testagem de alunos na região de Leiria

A Unidade de Saúde Pública do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Pinhal litoral começou na terça-feira a testar ao vírus SARS-CoV-2 alunos de escolas da região de Leiria, disse hoje à agência Lusa a delegada de saúde coordenadora.

"Dado o número elevado de turmas em isolamento que está a perturbar o funcionamento das escolas e com impacto na saúde, a Unidade de Saúde Pública do ACES, em articulação com o Departamento de Saúde Pública da Administração Regional de Saúde do Centro, delineou uma estratégia de rastreio alargado com testagem das crianças do pré-escolar até ao 2.º ciclo do ensino básico", afirmou Odete Mendes.

13h55 - Açores com 28 novos casos e 278 infeções ativas

Os Açores registam hoje 28 novos casos positivos de Covid-19 e 278 infeções ativas de SARS-CoV-2, revelou a Autoridade de Saúde Regional. No boletim diário, referente às últimas 24 horas, aquela entidade esclarece que os novos casos foram diagnosticados em 1.026 testes.

13h43 - Pandemia matou pelo menos 5.270.700 pessoas em todo o mundo

A pandemia da Covid-19 já fez pelo menos 5.270.700 mortos em todo o mundo desde que foi notificado o primeiro caso na China no final de 2019, segundo o balanço diário da agência France-Presse (AFP).

13h24 - Multadas 21 companhias aéreas e 591 passageiros em seis dias

Vinte e uma companhias aéreas e 591 passageiros foram multados nos aeroportos portugueses nos primeiros seis dias de obrigatoriedade de desembarcarem com teste negativo à Covid-19 ou certificado de recuperação, revelou hoje à Lusa o Ministério da Administração Interna.

Desde 1 de dezembro que todos os passageiros que cheguem a Portugal por via área são obrigados a apresentar teste negativo à covid-19 ou certificado de recuperação no desembarque.

13h17 - Variante Ómicron já foi identificada em 57 países

A variante Ómicron do vírus da covid-19 foi detetada até agora em 57 países, com a maioria dos casos analisados a serem assintomáticos ou ligeiros, segundo um relatório de hoje da Organização Mundial da Saúde (OMS). O documento alerta, por outro lado, para a alta possibilidade de reinfeção de pessoas que já tiveram o vírus SARS-CoV-2 com esta variante.

12h25 - ACNUR defende que vacinação forçada é inaceitável 

A Alta Comissária da ONU para os Direitos Humanos (ACNUR), Michelle Bachelet, considerou hoje inaceitável a vacinação forçada contra a Covid-19, mas admitiu "multas apropriadas" para quem recusar ser vacinado.

"Sob nenhuma circunstância as pessoas devem ser vacinadas [contra a covid-19] à força, embora a recusa de uma pessoa em cumprir a obrigação de vacinação possa ter consequências legais, como uma multa apropriada", defendeu Michelle Bachelet, numa mensagem de vídeo hoje divulgada.

11h35 - INEM confirma paragem da ambulância de Portimão

O INEM confirmou que a ambulância médica de Portimão "está inoperacional" devido a um surto de covid-19 na equipa de emergência pré-hospitalar, mas garantiu que o dispositivo de ambulâncias está assegurado pelos bombeiros locais.

"O INEM solicitou aos Bombeiros Voluntários de Portimão que reforçassem o dispositivo de ambulâncias afetas à atividade de emergência médica, de forma a garantir a pronta e adequada resposta aos pedidos de ajuda recebidos, o que se tem verificado", esclareceu o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) numa nota enviada à agência Lusa.

11h28 - Boris Johnson pressionado a esclarecer alegações de festa imprópria

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, foi pressionado a esclarecer hoje no Parlamento novos indícios de uma alegada festa de Natal entre assessores no ano passado que terá violado as regras para conter a pandemia Covid-19.

10h24 - Japão reporta quarto caso da variante Ómicron

O Japão reportou, esta quarta-feira, o quarto caso da variante Ómicron. Trata-se de uma infeção num homem com cerca de 50 anos, que esteve na Nigéria, revelou o canal de televisão Asahi.

09h47 - Mais 1.179 mortes na Rússia

Apesar de os números de novos casos e de óbitos tenham vindo a descer na Rússia, ainda são assustadores. Nas últimas 24 horas, o país contabilizou mais 30.752 infeções e 1.179 mortes.

08h17 - Mortes na Alemanha com máximo desde fevereiro. São mais 527 óbitos

Nas últimas 24 horas, a Alemanha registou mais 69.601 casos e 527 óbitos, o número de mortes mais elevado desde fevereiro. Segundo o Instituto Robert Koch, o país dá conta de 6.291.621 infeções desde o início da pandemia e 104.047 mortes.

A incidência dos últimos sete dias situa-se nos 427.0 casos por 100 mil habitantes, número superior ao registado na véspera (432.2). O número de infeções também aumentou em relação à semana passada, que, na terça-feira, se encontravam nas 67.186.

07h35 - Governo britânico fez festa de Natal em 2020 apesar das restrições

Um vídeo divulgado na terça-feira pelos media britânicos mostra que o governo do Reino Unido realizou uma festa de Natal há um ano, quando estavam em vigor fortes restrições devido à pandemia de Covid-19.

A existência da festa já era conhecida depois de ter sido divulgada há poucos dias pelo jornal Daily Mirror, mas o vídeo que demonstrava a celebração e as piadas que os altos funcionários do governo fizeram despertou uma reação nos medias britânicos e na oposição.

07h35 - China deteta 74 casos nas últimas 24 horas

A China detetou 74 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, incluindo 44 por contágio local, anunciaram hoje as autoridades de saúde do país. A Comissão de Saúde da China adiantou que o número total de casos ativos é de 1.133, incluindo 22 em estado grave.

07h20 - António Guterres em isolamento após contacto com infetado

O secretário-geral das Nações Unidas (ONU), António Guterres, foi identificado na terça-feira como contacto de um funcionário infetado com Covid-19, e estará em isolamento profilático vários dias, disseram fontes diplomáticas à agência France-Presse (AFP).

07h15 - Bom dia! Damos agora início ao acompanhamento da Covid-19. Pode recordar o AO MINUTO anterior aqui.

Leia Também: AO MINUTO: Vacinas eficazes contra Ómicron; Brasil exige quarentena

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório