Meteorologia

  • 08 DEZEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 14º

Edição

Ataque de arco e flecha na Noruega parece ter sido "ato de terror"

Tese de ataque terrorista parece ganhar força. Serviços de Segurança mantêm o nível de ameaça na Noruega como "moderado".

Ataque de arco e flecha na Noruega parece ter sido "ato de terror"

O ataque que resultou em cinco mortos e dois feridos, na noite desta quarta-feira, na Noruega, parece ter sido um "ato de terror", de acordo com os serviços de segurança noruegueses.

Num comunicado divulgado esta manhã, o Serviço de Segurança da Polícia (PST) adianta, ainda assim, que só a investigação vai permitir tirar mais conclusões sobre as motivações do autor do ataque, entretanto detido.

A PST acrescenta ainda que o nível de ameaça na Noruega permanece como moderado.

Vão sendo conhecidos, entretanto, mais detalhes sobre o ataque, que provocou a morte a quatro mulheres e um homem, todos com idades entre os 50 e os 70 anos.

A imprensa norueguesa adianta que o suspeito, um dinamarquês de 37 anos já sinalizado pela polícia como "radical" convertido ao Islão, vai ser avaliado por especialistas psiquiátricos forenses.

Sabe-se agora também que em 2020, por ordem Tribunal Distrital de Buskerudo, o autor do ataque esteve proibido de visitar os próprios pais. A decisão terá sido tomada depois de o homem ter ameaçado matar o seu pai.

A polícia norueguesa também já tinha adiantado esta manhã, em conferência de imprensa, que o suspeito, que admitiu entretanto os factos de que foi acusado, "converteu-se ao Islão" e já tinha sido sinalizado como "radical".

O suspeito é acusado de ter atingido com flechas habitantes da cidade de Kongsberg, sudoeste de Oslo.

Duas pessoas ficaram feridas, encontrando-se em estado grave, durante o ataque levado a cabo pelo cidadão dinamarquês, residente na pequena cidade norueguesa de Kongsberg, e que confessou os crimes depois de ter sido capturado pela polícia.

No momento da perseguição, em que estiveram envolvidos helicópteros e agentes do corpo especial de polícia, as autoridades pediram aos residentes de Kongsberg para permanecerem em casa.

No local estiveram 29 ambulâncias.

Leia Também: Pelo menos cinco mortos em ataque com arco e flecha na Noruega

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório