Meteorologia

  • 27 OUTUBRO 2021
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

AO MINUTO: Maiores de 20 vacinados em julho. Brasil com mais 44 mil casos

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Maiores de 20 vacinados em julho. Brasil com mais 44 mil casos

Portugal registou, este domingo, 941 novos casos de Covid-19 e mais três óbitos.

Numa altura em que se previa que a pandemia estivesse controlada, devido ao sucesso da vacinação, o país sofre um revés e é novamente atirado para o vermelho, com uma incidência de mais de 240 casos por 100 mil habitantes em Lisboa e 120 a nível nacional.

Por essa razão, até às 6h de amanhã, segunda-feira dia 21 de junho, estão proibidas as entradas e saídas da Área Metropolitana de Lisboa, salvo raras exceções.

Também a partir de amanhã fica disponível o autoagendamento da vacina contra a Covid-19 para pessoas com mais de 35 anos.
  

Pode consultar estes mapas interativos que mostram a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

00h00 - Boa noite! Este acompanhamento AO MINUTO termina aqui, mas será retomado novamente na manhã de segunda-feira. Já sabe, se tiver sintomas relacionados com a Covid-19 (principalmente febre, tosse e dificuldades respiratórias), mantenha-se em isolamento e contacte a Saúde 24 (808 24 24 24).

23h00 - Casinos indignados. O Sindicato dos Empregados de Banca dos Casinos (SEBC) classificou, este domingo, como "absurda" a decisão do Governo de encerrar apenas os espaços de jogo nos Casinos de Lisboa, Estoril e Vilamoura, e reclamou "uma compensação financeira" para os trabalhadores afetados.

22h30 -Brasil reporta este domingo mais 44.178 infetados e 1.025 mortos relacionados com a Covid-19, de acordo com os dados revelados pelo  Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS). 

22h10 - Vacinação aberta à faixa etária 20-29 anos "a partir de meados de julho". A vacinação contra a Covid-19 deverá ser aberta à população entre os 20 e os 29 anos "a partir de meados de julho", disse hoje à Lusa uma fonte da 'task-force' nacional de vacinação.

21h15 - Cabo Verde registou 38 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, e dois mortos, elevando para 32.002 o acumulado de casos desde março de 2020, segundo dados divulgados hoje pelo Ministério da Saúde.

19h50 - França registou hoje mais 14 mortes por Covid-19 e mais 1.815 infeções com o novo coronavírus, revela o balanço diário publicado no portal da agência de saúde pública do país.

19h35 - Uma idosa com 92 anos internada no Hospital de Faro (HDF) morreu este sábado, na sequência de um surto de Covid-19 num lar nos arredores da capital algarvia, confirmou à Lusa fonte da autoridade de saúde. A idosa tinha tomado uma dose da vacina, já que tinha contraído a doença "no início do ano".

19h21 - A Madeira registou hoje quatro novos casos de Covid-19, nove recuperações e 24 situações suspeitas, indicou a Direção Regional de Saúde, referindo que o total de infeções ativas no arquipélago é agora de 64, com quatro doentes hospitalizados.

19h15 - Moçambique registou um óbito e 140 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, anunciou hoje o Ministério da Saúde, na atualização diária de dados sobre a pandemia.

18h48 - Este sábado foram administradas mais de cem mil doses de vacina contra a Covid-19 em Portugal Continental, num total de mais de sete milhões e duzentas mil doses administradas, revelou o Serviço Nacional de Saúde este domingo.

18h45 - Angola registou 74 novas infeções, três óbitos e 87 recuperados, nas últimas 24 horas, o que perfaz um total de 37.678 casos positivos, 859 mortes e 31.676 recuperações, informou o Ministério da Saúde.

18h30 - Cerca na Grande Lisboa "tem cobertura legal na Lei da Proteção Civil". Constitucionalista Vital Moreira entende que a proibição de entrada e saída aplicada à Área Metropolitana de Lisboa "não é constitucionalmente ilegítima".

18h06 - África registou mais 139 mortes associadas à Covid-19 em 24 horas, de acordo com os dados oficiais hoje divulgados pelo Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC).

17h10 - Nas últimas 24 horas, o Reino Unido diagnosticou 9.284 novas infeções pelo SARS-CoV-2 e seis mortes, de acordo com os dados publicados este domingo pelas autoridades britânicas. Desde o início da pandemia, o Reino Unido já registou 4.630.040  contágios e 127.976 óbitos relacionados com a Covid-19. 

17h00 - Itália registou, nas últimas 24 horas, mais 881 casos de infeção pelo novo coronavírus, elevando para 4.252.976 o total de contágios desde o início da pandemia, indicam as autoridades sanitárias este domingo. O boletim indica ainda que no último dia morreram  17 pessoas devido à Covid-19 em Itália, fazendo aumentar o total de óbitos para 127.270. 

16h10 - Organização Não Governamental 'Rio de Paz' homenageou este domingo as mais de 500 mil vítimas da Covid-19 no Brasil colocando rosas no areal da praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. Segundo  'Rio de Paz', citada pelo G1, as rosas representam "a solidariedade às famílias enlutadas vítimas da crise sanitária provocada pelo coronavírus". 

O jornal Folha de São Paulo também assinalou o meio milhão de mortos com uma capa especial - em branco - "para não esquecer dos mortos pela Covid-19 e da dor de suas famílias". "Vamos morrer até quando?", é a pergunta que fica no ar. 

15h12 - Casamentos civis autorizados ao ar livre em Inglaterra e País de Gales a partir de 1 de julho, anunciou hoje o Governo britânico. Esta medida estará em vigor até abril de 2022 e, no outono, o Governo fará uma consulta pública para decidir se deve torná-la permanente.

14h59 - Os Açores registaram, nas últimas 24 horas, 20 novas infeções pelo novo coronavírus, sendo 18 em São Miguel, uma na Terceira e uma em Santa Maria, e ainda 27 recuperações, todas em São Miguel.

14h21 - Portugal soma 941 novos contágios por coronavírus e mais três óbitos em 24 horas, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado este domingo pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Em termos globais, o país acumula 865.050 casos confirmados e 17.065 vítimas mortais. O número de recuperados subiu para 819.688. 

Os casos ativos aumentaram novamente. Assim como os internamentos, que ultrapassaram os 400. Apesar do aumento geral de internamentos, verificou-se uma ligeira descida no número de pacientes nas unidades de cuidados intensivos. 

Como tem acontecido recentemente, a grande maioria das novas infeções foram detetadas na região de Lisboa e Vale do Tejo - 641 nas últimas 24 horas

13h27 - Os trabalhadores russos que recusarem ser vacinados contra a Covid-19, em regiões em que a inoculação seja obrigatória, serão obrigados a tirar licença sem vencimento. A garantia foi dada pelo ministro do Trabalho da Rússia, este domingo, devido ao facto de o número de casos estar a aumentar e os voluntários para receber a vacina a reduzirem.

12h50 - O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) revelou, este domingo, que a prevalência da variante Delta é superior a 60% em Lisboa e Vale do Tejo (LVT) e inferior a 15% no Norte.

De acordo com o relatório, os resultados preliminares das sequenciações obtidas no mês de junho, no âmbito do estudo sobre a diversidade genética do SARS-CoV-2 em Portugal, mostram ainda a variante Alfa, associada ao Reino Unido, que tem uma prevalência de cerca de 30% em LVT e de 80% no Norte.

12h47 - Os pilotos britânicos pediram hoje ao governo de Boris Johnson que aprove medidas "urgentes" para apoiar o setor da aviação face ao impacto "devastador" causado pela pandemia de Covid-19 nas companhias aéreas e nos aeroportos.

12h45 - A pandemia de Covid-19 matou, até hoje, pelo menos 3.862.364 pessoas no mundo desde o final de dezembro de 2019, segundo o levantamento da agência de notícias francesa AFP feito com base em dados oficiais.

12h14 - O governo japonês deixou em aberto a possibilidade de os Jogos Olímpicos de Tóquio decorrerem sem público.

Segundo a agência Kiodo, numa entrevista este domingo, o porta-voz do governo, Kato Katsunobu, assegurou que se se constatar um aumento dos casos de Covid-19, "a regra básica é tomar as medidas necessárias e lidar com os Jogos Olímpicos da mesma maneira que outros eventos". 

Os Jogos Olímpicos começam no dia 23 de julho e vão prolongar-se até ao dia 8 de agosto. 

11h36 - O governo das Filipinas assinou um acordo para adquirir 40 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Pfizer e BioNTech, a sua maior compra de vacinas até hoje, informaram hoje fontes oficiais.

10h00 - O Ministério da Saúde da China garantiu hoje ter ultrapassado a administração de 1.000 milhões de doses de vacina contra a Covid-19, sem adiantar, contudo, qual o número de pessoas já vacinadas com as duas doses.

09h31 - A ilha tailandesa de Phuket quer vacinar o maior número de pessoas até 1 de julho para reabrir ao turismo. As autoridades locais pretendem ter 70% da população vacinada até esse dia para que Phuket seja o primeiro destino tailandês a abrir a turistas estrangeiros.

09h15 - Israel volta a impor o uso de máscara em algumas zonas do país, após dois surtos de Covid-19, cinco dias depois de decidirem abolir a medida.

Os surtos em questão aconteceram em duas escolas, uma localizada em Modiin-Maccabim-Reut e outra em Binyamina, onde mais de 50 alunos testaram positivo ao SARS-CoV-2. Nestas duas cidades, assim como em Modiin, a máscara voltou a ser obrigatória.

As autoridades de saúde já confirmaram que os casos agora reportados são da variante Delta, detetada pela primeira vez na Índia.

Recorde-se que Israel foi um dos primeiros países do mundo a retirar quase todas as medidas adotadas durante a pandemia, devido ao sucesso da vacinação no país.

08h45 - A Bélgica vai proibir a entrada de cidadãos do Reino Unido e da Geórgia, assim como de outros países não europeus, incluindo sete latino-americanos, para tentar evitar a propagação da variante indiana, mais conhecida como Delta. Ao todo são 27 os Estados afetados por esta medida do governo belga que entra em vigor no dia 27 de junho, "o mais tardar".

08h20 - A Índia registou, este domingo, 58.419 casos de Covid-19, o menor número diário dos últimos três meses. De acordo com as autoridades indianas, nas últimas 24 horas, morreram 1.576 pessoas.

No total, morreram 386.713 pessoas devido ao SARS-CoV-2 na Índia, desde que a pandemia da Covid-19 atingiu o país.

Já o número de casos confirmados é de cerca de 30 milhões.

08h07 - "Velocidade do contágio atira o país todo para o vermelho", revela este domingo o Jornal de Notícias. De acordo com o jornal do Norte, a incidência nacional está à beira dos 120 casos por 100 mil habitantes. Lisboa conta já com 240 casos por 100 mil habitantes. 

A variante indiada - Delta - é a responsável por esta subida de casos e está a fazer soar os alarmes sobre o descontrolo da pandemia.

08h05 - A vacina candidata cubana contra a Covid-19 atingiu uma eficácia de 62% após a injeção de duas das três doses previstas, um resultado que excede os 50% exigidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS), anunciou o laboratório.

08h02 - A Alemanha reportou 16 mortes e 842 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas.

08h01 - Enquanto dormia:

8h00 - Bom dia! Começa aqui um novo registo de atualização da pandemia da Covid-19 em Portugal e no mundo. Para recordar o que aconteceu ontem clique aqui

Leia Também: AO MINUTO: Brasil supera 500 mil mortes; Maiores de 35 podem agendar 2ªf

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório