Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2021
Tempo
19º
MIN 13º MÁX 25º

Edição

Jovem morre vítima da Covid-19 no dia em que ia casar

Bruno Silva morreu no dia 17 de abril, data em que ia casar com a namorada, após um relacionamento de 11 anos.

Jovem morre vítima da Covid-19 no dia em que ia casar

Um jovem de 30 anos morreu vítima da Covid-19, em São Paulo, no Brasil, no dia 17 de abril, data em que era suposto casar com a namorada com quem mantinha um relacionamento há 11 anos.

O dia do casamento estava marcado há mais de um ano e deveria ter sido o mais feliz das vidas de Bruno Silva e Beatriz Miranda, mas acabou em pesadelo.

Ao site G1, a noiva contou que toda a família apanhou Covid-19, mas apenas Bruno teve sintomas graves.

No dia 30 de abril, dois dias depois de começar a piorar, o jovem procurou ajuda num hospital, por falta de ar e dores no corpo. 50% do pulmão já estava comprometido. Apesar de ter ficado internado e em tratamento, o estado de saúde de Bruno nunca melhorou. Dois dias antes de morrer, 85% do pulmão já não funcionava. “Mesmo com máscara, ele não conseguia respirar”, revelou Beatriz.

O casal namorava há 11 anos, desde a adolescência, e tinha dois filhos: Nicolas ,de sete anos, e Miguel, de quatro.

Toda a família vivia com muita expetativa a união. Bruno e Beatriz chegaram mesmo a fazer uma sessão fotográfica de noivos e até já tinham pagado todo o casamento.

“A festa estava toda preparada. Já tinha o vestido, o buffet pago, estávamos a planear há um ano. Alguns dias antes, cerca de duas semanas, decidimos adiar a cerimónia, mas como começámos com sintomas nem pensámos mais nisso, nem trocámos a data”, revelou a brasileira, acrescentando que o noivo era jovem, sem “nenhum problema de saúde”.

A morte de Bruno surpreendeu toda a família que tenta superar a dor da perda num dia em que era suposto ser de celebração para todos.

“Era um paizão, um marido exemplar. Está a ser muito difícil. Todos os nossos sonhos ficaram para trás. Eu mandei fazer o meu vestido, preparamos cada detalhe… é muito difícil. O foco dele era só ficar melhor, seguir em frente”, concluiu Beatriz.

Leia Também: AO MINUTO: PR quer apurar direitos em Odemira; Novo máximo na Índia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório